Após nova derrota na UEL, Koeman admite dificuldade do Everton em avançar de fase

Everton segue sem vencer na Uefa Europa League. Desta vez perdeu para o Lyon por 2 a 1, mesmo jogando no Goodison Park. Com a derrota, o time de Liverpool amarga a última colocação no grupo com apenas um ponto. E agora, terá que fazer muito para conseguir a classificação, coisa que o técnico da equipe, Ronald Koeman, reconheceu na entrevista coletiva após o jogo. 

Com a campanha vexatória, ficando atrás até do pequeno Apollon Limassol do Chipre, o treinador já admite que é díficil a classificação: "É muito difícil para chegar a próxima fase", disse. "Na maioria das vezes você consegue seus pontos em casa, mas nós só conseguimos um dos dois jogos que tivemos em Goodison", completou.

"Nada é impossível, mas para ganhar mais pontos - e acho que precisamos de seis ou sete -, vamos precisar melhorar o nosso futebol e isso é o mais importante", concluiu o treinador.

Koeman também falou sobre a partida contra o time francês e atribuiu ao mal primeiro tempo o resultado. "Estou desapontado, claro", disse ele. "Começamos bem, mas em pouco tempo já estavámos perdendo. A performance ficou abaixo no primeiro tempo. Cometemos muitos erros, a equipe jogou com muitas dúvidas e pouca confiança", afirmou o comandante.

Ele também comentou sobre a melhora no segundo tempo e disse como deve ser a postura da equipe nas próximas partidas. "A segunda metade foi melhor. Nós lutamos por tudo, marcamos um bom objetivo e criamos boas chances", comentou. "A forma como jogamos o segundo tempo - mais direta e agressiva - foi o caminho para voltar ao jogo. Mas devemos muito à Pickford ter ficado apenas dois a um", finalizou Koeman.

O Everton ainda tem três partidas para tentar a classificação na UEFA Europa League. A primeira delas acontece no dia 2 de novembro contra o mesmo Lyon, só que desta vez no Groupama Stadium às 16h (horário de Brasília).

VAVEL Logo