Newcastle vence o Huddersfield e fica perto de garantir sua permanência na Premier League
(Foto: Divulgação/Newcastle United)

O Newcastle venceu o Huddersfield pela 32ª rodada da Premier League 2017/18 pelo placar de 1 a 0, e praticamente garantiu a sua permanência na Premier League. Com o resultado, o Newcastle chegou a sua terceira vitória seguida no St James' Park e não sofreu gol em nenhuma dessas partidas. O gol dos comandados de Rafael Benítez foi marcado por Ayoze Perez após uma bela assistência do brasileiro Kenedy.

Na próxima rodada, o Newcastle irá enfrentar o Leicester no King Power Stadium, enquanto o Huddersfield, que ainda briga contra o rebaixamento, vai visitar o Brighton no Amex Stadium em mais um duelo direto para a equipe de David Wagner.

O primeiro tempo foi marcado por um amplo domínio do Newcastle, que sempre teve uma estratégia de jogo em que a equipe abre mão da posse de bola para tentar aproveitar o erro dos adversários. No jogo de hoje a equipe não mostrou isso. A dupla formada por Jonjo Shelvey e Dwight Gayle parecia muito entrosada e o ex-meia do Liverpool criava várias oportunidades de gol que não eram aproveitadas por Gayle, que foi bastante criticado pelos gols perdidos.

Em uma das oportunidades, Shelvey cobrou a falta de maneira rápida e acertou um lindo lançamento para o atacante do Newcastle que tentou encobrir o goleiro Lossl, mas acabou mandando para fora e perdendo uma grande oportunidade. Em outro cruzamento para a área, dessa vez decorrente de um passe do escocês Matt Ritchie, Gayle matou no peito e mandou por cima do gol para desespero da torcida que estava presente no St James' Park.

O Huddersfield não conseguiu criar muitas chances, tanto que terminou a partida sem uma finalização sequer na direção do gol de Dubravka. A chance mais perigosa veio após uma cabeçada do zagueiro Schindler, que acertou o meia Ayoze Perez no meio do caminho e parou nas mãos do goleiro do Newcastle.

Na etapa final, os Magpies continuavam imprimindo um ritmo forte em relação aos Terriers, apesar dos comandados de David Wagner adiantarem a sua marcação e criar algumas dificuldades para o Newcastle na saída de bola. A contusão de Elias Kachunga no começo da segunda etapa alterou o estilo de jogo do Huddersfield, que com a entrada de Collin Quaner, ganhou diferentes características pelos lados do campo.

No Newcastle tivemos a estréia do atacante argelino Islam Slimani, que estava machucado desde a sua contratação junto ao Leicester e entrou no lugar do criticado Dwight Gayle. Slimani não teve tantas participações na partida mas foi importante na jogada do gol que marcou a vitória dos Magpies. Após contra-ataque puxado por Ayoze Perez, o ganês Christian Atsu procurou o atacante argelino na área, mas o cruzamento foi interceptado por Lossl que entregou a bola nos pés de Kenedy que apenas rolou para Perez marcar o gol da vitória.

No último lance da partida, o lateral-esquerdo Scott Malone recebeu livre na pequena área, mas dominou mal e no desespero tentou buscar a bola e acabou fazendo uma falta no goleiro Dubravka, que permaneceu caido no gramado para ganhar alguns segundos preciosos para esfriar a partida e garantir os três pontos para o Newcastle. 

A vitória fez o Newcastle subir para a 12ª colocação com 35 pontos. A equipe agora está 7 pontos a frente do Southampton, que é a primeira equipe presente na zona de rebaixamento. O Huddersfield ainda permanece nessa briga contra a degola, após estacionar nos 31 pontos e podendo ser alcançado pela equipe dos Saints, que ainda possuem um jogo a menos que foi adiado da rodada anterior. O jogo contra o Brighton na próxima rodada é um confronto direto e que é tratado como decisivo para os comandados de David Wagner.

VAVEL Logo