Com um pé no mata-mata, México enfrenta desesperada Suécia
(Arte: Rodrigo Rodrigues/VAVEL Brasil)

Com um pé no mata-mata, México enfrenta desesperada Suécia

Confronto direto definirá vaga na próxima fase do torneio; aos suecos só resta vencer

EduardoRSF
Eduardo Ramos
MéxicoOCHOA; AYALA, SALCEDO, MORENO E GALLARDO; HERRERA, LAYÚN E GUARDADO; VELA, LOZANO E CHICARITO. TÉCNICO: JUAN CARLOS OSORIO.
SuéciaOLSEN; LUSTIG, LINDELOF, GRANQVIST E AUGUSTINSSON; CLAESSON; LARSSON, EKDAL E FORSBERG; BERG E TOIVONEN. TÉCNICO: JANNE ANDERSSON.
ÁRBITRONÉSTOR PITANA, AUXILIADO POR HERNÁN MAIDANA E JUAN PABLO BELATTI. TODOS DA ARGENTINA.
INCIDENCIASPARTIDA VÁLIDA PELA 3ª RODADA DA FASE DE GRUPOS DA COPA DO MUNDO 2018, QUE SERÁ REALIZADA NO ESTÁDIO DE ECATERIMBURGO, EM ECATERIMBURGO, ÀS 11H.

Com um pé nas oitavas, o México enfrentará a Suécia, que busca uma vaga nas oitavas de final, nesta quarta-feira (27), às 11h, no Estádio de Ecaterimburgo, em Ecaterimburgo. 

As seleções mexicana e sueca já se enfrentaram nove vezes, tendo a Suécia com vantagem no confronto, sendo 4 vitórias contra 2 vitórias do México, além de 3 empates. Em Copa do Mundo, as equipes se enfrentaram uma vez, em 1958, jogo que foi disputado no Estádio Rasunda, na Suécia. Naquela ocasião, os europeus venceram o El Tricolor por 3 a 0, com dois gols de Simonsson e um de Liedholm. 

México pode terminar a fase de grupos com 100% de aproveitamento

O México é líder do Grupo F com seis pontos e já está classificado às oitavas de final da Copa do Mundo. Logo, jogará a terceira rodada para tentar garantir a primeira colocação do grupo. A seleção realizou um treino na manhã desta terça-feira (26) e o cantor Christian Nodal visitou o treinamento e cantou uma de suas canções aos jogadores mexicanos.

Foto: Divulgação/México
Foto: Divulgação/México

Em entrevista coletiva da FIFA, o técnico Juan Carlos Osorio falou sobre a campanha da sua seleção até o momento e sobre a partida contra a Suécia.

"Quando chegamos na Rússia, o único questionado era eu. A seleção não. Temos jogadores importantes e, para muitos, talvez seja a melhor geração do México. Não me surpreende estarmos ganhando. Estamos construindo uma equipe com capacidade para competir. Temos coragem. Jogamos com coragem para ganhar da campeã do mundo e contra a Coreia também tivemos coragem. Amanhã vai ser outra oportunidade para dar um passo a mais e nos consolidar como equipe, mostrando ao mundo que o futebol sul-americano tem valor", explicou o treinador.

Suécia precisa vencer e secar a Alemanha para garantir o segundo lugar do grupo

Já a seleção sueca, além de fazer a sua parte, terá que torcer para a Alemanha não vencer. Porém, mesmo que a seleção alemã vença, a Suécia pode se classificar. Entretanto, teria que vencer por uma quantidade de gols maior, para vencer o critério de desempate.

Em entrevista coletiva da FIFA, o capitão sueco Andreas Granqvist disse que o resultado contra a Alemanha deixou o grupo desapontado, já que o empate estava muito bem encaminhado, porém a Suécia tomou o gol da virada nos acréscimos da partida. Além disso, o zagueiro comentou sobre o jogo contra o México.

"Não há muito há dizer, todos estão incrivelmente desapontados. Nosso sentimento é que tivemos uma boa performance, muito boa contra um time tão forte quanto a Alemanha. Foi difícil, mas estamos orgulhosos de nosso esforço. Continuamos com a chance nas nossas mãos. Temos que ganhar do México, é a nossa meta (...) Nós ficamos muito desapontados depois do jogo, claro, perdendo por um gol nos momentos finais depois de uma cobrança de falta fantástica. Foi difícil para nós. Mas, hoje (domingo) é um novo dia e nós estamos tentando recarregar as energias para quarta-feira, no jogo contra o México. Nosso destino continua em nossas mãos e vamos trabalhar duro para jogar o melhor que podemos", falou Andreas Granqvist.

VAVEL Logo

    Futebol Internacional Notícias

    há 7 horas
    há 10 horas
    há 12 horas
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 2 dias
    há 3 dias
    há 3 dias
    há 3 dias
    há 3 dias
    há 3 dias