Na estreia da Europe League, RB Leipzig goleia BK Häcken e abre vantagem para duelo de volta
(Foto:Divulgação/Red Bull Leipzig)

Na estreia da Europe League, RB Leipzig goleia BK Häcken e abre vantagem para duelo de volta

Em uma tarde iluminada de Bruma, os Saxões saíram com a vantagem no torneio continental

IzabelleFranca
Izabelle França
RB LeipzigMüller; Klostermann, Orban, Konaté e Saracchi (Mukiele); Ilsanker, Demme e Kampl; Cunha (Hartmann), Augustin e Bruma (Stierlin). Técnico: Ralf Rangnick.
BK HäckenAbrahamsson; Hammar, Faltsetas (Berggren) Celik (Lundberg) e Friberg; Kamara, Paulinho e Arkivuo; Irandust (Mohammed), Lindgren e Andersson. Técnico: Andreas Alm.
Placar1-0, min. 35,Bruma. 2-0, min. 38,Matheus Cunha. 3-0, min. 50, Kevin Kampl. 4-0, min. 84, Jean-Kévin Augustin.
ÁRBITROAleksandar Stavrev (Macedônia), Auxiliado por Marjan Kirovski (Macedônia) e Dejan Kostadinov (Macedônia) | Cartões Amarelos: Orban (RB), Lindgren (BK), Friberg (BK), Çelik (BK), Stefan Ilsanker (RB), Saracchi (RB), Kamara (BK), Lundberg (BK), Demme (RB) | Vermelho: Stefan Ilsanker (RB)
INCIDENCIASPartida válida da primeira rodada da segunda fase eliminatória da UEFA Europa League. Disputada na Red Bull Arena, em Leipzig. Torcedores: 18.126

A temporada do RB Leipzig começou na tarde desta quinta-feira (26). Na Red Bull Arena, os Touros venceram o BK Häcken, por 4 a 0, em partida válida da primeira rodada da segunda fase eliminatória da UEFA Europa League. Bruma, Matheus Cunha, Kevin Kampl e Jean-Kévin Augustin balançaram as redes para o time germânico.

O primeiro compromisso oficial do técnico Ralf Rangnick, no comando do Leipzig foi satisfatório.  A equipe dominou o jogo com 81% na precisão dos passe. O time finalizou cinco vezes em direção ao gol - convertendo quatro delas.

Por outro lado, o Häcken não levou nenhum perigo aos adversários. A equipe sueca  chutou duas vezes e arrancou um escanteio, contra 11 dos dona da casa.

Em partida de 39 faltas, os saxões demoraram para  entrar no jogo. As primeiras oportunidades se deu a falhas dos mandantes. Aos 9’, Paulinho desceu pelo lado esquerdo driblando e  conseguiu fugir dos defensores. O brasileiro resolveu chutar de longa distância, porém, a bola passou a milímetros do gol. Para a salvação do goleiro Müller.

Com o passar do tempo, a superioridade da partida ficou com os Touros. Aos 35’, uma boa troca de passe no campo de ataque, o meia Kevin Kampl saiu da marcação, tocou para Ilsanker. O volante alçou uma belíssima bola para Bruma. O jovem atacante de 23 anos, dominou com o pé esquerdo e mandou para o fundo das redes, com o direito - a perna boa. 1 a 0.

Na sequência,  o brasileiro Matheus Cunha deixou o seu. Em um cruzamento feito na grande área, a defesa sueca cortou mal. A bola sobrou na entrada área, o camisa 20 fez o pivô, no qual, virou e mandou uma bomba no ângulo. Sem chances para o goleiro Abrahamsson.  2 a 0.

Com dois tentos de vantagem, o BK Häcken tinha dificuldades em sair para o jogo. A equipe de Gotemburgo, ficou apenas na defensiva. Enquanto isso, na etapa final, os saxões estavam disposto em abrir mais a vantagem do placar.  

Aos 50’, um contra-ataque iniciado por Bruma. O atacante deixou Andersson para contar história. De cabeça erguida, o atacante encontrou Kampl livre. O esloveno chutou forte, Abrahamsson conseguiu espalmar, contudo, a bola morreu dentro do gol. 3 a 0.

Todavia, nem tudo terminou em festa. Aos 82’, Stefan Ilsanker levou o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Sem reclamar,  o camisa 13 entrou com um carrinho desleal em Alhassan Kamara.

Apesar disso, o Leipzig não sentiu o peso de jogar com um a menos. Aos 84’, em uma troca de passes começada pelo zagueiro Konaté que tocou para a Bruma. Em seguida, o camisa 17 passou para Matheus Cunha. O brasileiro viu Jean-Kévin Augustin arrancar e cruzou rasteiro para o camisa 29 estufar as redes. 4 a 0.

A segunda etapa da fase eliminatória da UEFA Europa League, será disputada na próxima quinta-feira (2). O RB Leipzig viaja para Gotemburgo, contra o BK Häcken, na Bravida Arena.

VAVEL Logo