Manchester City sofre punição da UEFA e está excluído das próximas duas Champions League 
Foto: Reprodução / Manchester City 

Divulgado pelo jornal inglês The Guardian, o Manchester City está banido das competições da UEFA nas próximas duas temporadas. Por conta da tentativa de omitir informações na apresentação de dados do patrocinador Etihad, os citizens foram investigados pela revista alemã “Der Spiegel” em novembro de 2018, na época, sob suspeita de infringir o fair play financeiro.

Com a sentença emitida pelo órgão regulador da UEFA, o Controle Financeiro de Clubes (CFCB em inglês), a punição para o time de Pep Guardiola será a exclusão das duas próximas competições organizadas pela entidade, além de uma multa no valor de £25 milhões, ou €30 milhões na moeda europeia.

No caso, o clube considerado culpado está sendo advertido por omitir informações do patrocinador e gastar mais do que arrecada, infringindo as normas de boas condutas do órgão europeu.

Em comunicado logo após a divulgação do caso, o clube emitiu uma nota de repúdio. Confira parte do trecho:


O Manchester City está decepcionado, mas não se surpreende com o anúncio de hoje da Câmara julgadora da UEFA. O Clube sempre antecipou a necessidade final de procurar um órgão e um processo independentes para considerar imparcialmente o conjunto abrangente de evidências irrefutáveis em apoio à sua posição.

O City já afirmou que buscará uma indenização por parte da UEFA e irá recorrer à sentença, por entender que a pena veio de forma parcial. Até o momento, a equipe cederá sua vaga para o quinto colocado da Premier League, o Sheffield United.

VAVEL Logo