Tríplice coroa! Em final disputada, PSG vence Lyon nos pênaltis e conquista Copa da Liga
Foto: Divulgação/PSG

Palco da final da Copa do Mundo de 1998, o Stade de France recebeu nesta sexta-feira (31) mais uma edição da final da Coupe de la Ligue. O título ficou com o PSG, que embalou o terceiro título da temporada ao ganhar por 6 a 5 nos pênaltis.

PSG e Lyon disputaram a Copa da Liga Francesa apenas a partir das oitavas de final. Desde então os campeões eliminaram Le Mans, Saint-Étienne e Reims até chegar à decisão.

Assim como na última temporada, o título saiu após a disputa de pênaltis. Em 2019, o Strasbourg levantou a taça na decisão contra o Guingamp.

Ao contrário do último jogo, quando conquistou a Copa da França, o time de Paris entrou em campo com Verratti entre os titulares na vaga de Leandro Paredes, que atuou apenas na prorrogação e ainda bateu um dos pênaltis na disputa final. 

Nada de gol no tempo normal

O jogo foi equilibrado desde o primeiro tempo. Neymar teve duas chances e Gueye também finalizou com perigo, mas ninguém balançou a rede. O Lyon respondeu em lances de Dembélé e Denayer, que bateu fraco e facilitou a defesa de Keylor Navas. O brasileiro Bruno Guimarães também arriscou, mas na hora do chute a bola subiu demais e passou longe do gol.

Os times voltaram do intervalo sem alterações. Na etapa final, Neymar teve boa chance aos sete minutos e então Anthony Lopes pulou no canto direito para evitar o gol. Mais tarde, Di María ficou cara a cara com o goleiro, mas a arbitragem anotou impedimento. Aos 36, Cornet quase abriu o placar de falta e aí foi a vez do goleiro do PSG espalmar. Lopes também pegou um chute de Neymar aos 41 minutos. O placar zerado levou a decisão do título para a prorrogação.

Rafael e Navas roubam a cena

Destaques do Lyon, Cornet e Traoré também finalizaram com perigo no tempo extra, assim como Di María e Neymar, que exagerou na força ao cobrar falta e a bola subiu muito.

O time de Neymar e cia ficou com um jogador a mais na reta final da prorrogação porque aos 13 minutos do segundo tempo o lateral brasileiro Rafael deu um carrinho por trás no argentino Di María e recebeu o cartão vermelho direto. Como o jogo se encaminhava para o final, o PSG não conseguiu transformar a superioridade numérica em volume de jogo para fazer o gol.

Os dez batedores converteram todas as cobranças na primeira série de pênaltis. Di María, Verrratti, Paredes, Herrera e Neymar marcaram para o PSG. Já o Lyon também acertou tudo nos chutes de Andersen, Ekambi, Caqueret, Thiago Mendes e Aouar.

Nas alternadas, Keylor Navas pulou para o canto esquerdo e pegou a bola de Traoré. O gol do título então saiu dos pés do argentino Sarabia, que manteve o 100% de aproveitamento do PSG nas penalidades.

O PSG acumula três troféus na temporada 2019/20, sendo Campeonato Francês, Copa da França e agora Copa da Liga Francesa. O principal objetivo do clube, no entanto, é a Champions League, que volta em agosto. O próximo desafio é contra a Atalanta, pelas quartas de final do torneio.

O Lyon também está vivo na Champions League, mas ainda está na fase oitavas de final. O time ganhou em casa por 1 a 0 da Juventus e portanto joga pelo empate no jogo de volta, que será no Allianz Stadium, em Turim.

O caminho do PSG até o título

Oitavas: 4 x 1 Le Mans
(Sarabia, Choupo-Moting, Mbappé e Di María)

Quartas: 6 x 1 Saint-Étienne
(Icardi, três vezes, Neymar, Moulin, contra, e Mbappé)

Semifinal: 3 x 0 Reims
(Marquinhos, N'Clomande, contra, e Kouassi)

Final: 0 (6) x (5) 0 Lyon

VAVEL Logo