Real Madrid cumpre dever de casa diante do Borussia Mönchengladbach
e vai às oitavas
Foto: Divulgação/Real Madrid

A fase de grupos da Uefa Champions League, edição 2020-21, chegou ao fim nesta quarta-feira (9). Para encerrar com chave de ouro, o confronto mais esperado da sexta rodada: Real Madrid contra Borussia Mönchengladbach, no Estádio Alfredo Di Stéfano, em decisão pelo Grupo B. No outro jogo, Internazionale de Milão e Shakhtar Donetsk também lutaram até o último momento pela classificação.

Os madridistas entraram pressionados em campo, com possibilidade de eliminação precoce da principal competição europeia, mas Karim Benzema, em bom dia, marcou os dois gols e decretou a vitória por 2 a 0 do time espanhol diante dos alemães.

Distribuição tática

O técnico Zinédine Zidane apostou no tradicional 4-3-3 para escalar o Real Madrid: Courtois no gol, Varane e Sergio Ramos na defesa, Vázquez e Mendy nas laterais. No meio, Modric, Casemiro e Kroos, enquanto o trio de ataque foi formado por Rodrygo, Benzema e Vinícius Júnior.

O treinador Marco Rose, por sua vez, usou o 4-2-3-1 para mandar o Borussia Mönchengladbach a campo: Sommer no gol, Ginter e Elvedi na defesa, Lainer e Wendt nas laterais. No meio, Kramer e Neuhaus auxiliaram na marcação, enquanto Pléa, Stindl e Thuram deveriam ser os responsáveis pela criação das jogadas e levar a bola para Embolo no ataque.

Enquanto Real Madrid jogou bem e venceu, Mönchengladbach jogou mal e perdeu

Tanto no primeiro quanto no segundo tempo, o Real Madrid foi o dono do jogo e dominou do início ao fim. Os espanhóis trataram o confronto com clima de decisão, enquanto os alemães pouco apresentaram em campo e não encararam a partida com o mesmo ânimo dos adversários.

O coletivo madridista funcionou com perfeição e foi determinante para Benzema brilhar durante a decisão. O francês abriu o placar aos nove minutos após assistência de Vázquez, e em lance semelhante ao anterior, ampliou a vantagem aos 31, agora com passe de Rodrygo; ambos os gols foram de cabeça.

Os mandantes tiveram mais oportunidades para ampliar, porém pararam três vezes na trave e nas cinco defesas do goleiro Sommer, o principal jogador dos Potros no jogo. O Mönchengladbach, por sua vez, pouco ameaçou Courtois e perdeu duas grandes chances com Pléa. Totalmente apático e omisso, o time visitante teve 37% de posse, sete finalizações (uma no alvo e seis para fora) e 428 passes (359 certos).

O Real Madrid, por outro lado, dominou com 63% de posse de bola, 19 finalizações (sete no alvo, cinco para fora e sete travadas) e 747 passes (674 certos). Com o time que mandou a campo, o técnico Zidane respondeu as críticas e a turbulenta situação à altura e fez a equipe voltar a jogar bem após as últimas apresentações decepcionantes. Kroos, Casemiro, Modric, Rodrygo e Benzema foram os destaques da gigante atuação madridista que garantiu classificação à próxima fase.

Classificação final

Com a vitória, o Real Madrid se despediu do Grupo B na liderança, com 10 pontos. Em seguida, Borussia Mönchengladbach e Shakhtar somaram oito pontos, porém os alemães levaram vantagem nos confrontos diretos e selaram classificação à próxima fase apesar do revés sofrido na Espanha. Por fim, a Inter de Milão terminou em último, com somente seis pontos.

VAVEL Logo