"Sonhei com esse momento", diz Lamela após marcar dois gols na estreia pelo Sevilla
Foto: Divulgação/Sevilla FC

A estreia pelo novo clube fica marcada na mente do jogador. Melhor ainda se ela acontecer com bola na rede. No caso de Erik Lamela, foi dose dupla na primeira vez em que vestiu a camisa do Sevilla, diante do Rayo Vallecano, em jogo válido pela 1ª rodada de La Liga, realizado no domingo (15).

"Sonhei com esse momento, desde que cheguei me acolheram muito bem. Me senti muito bem, mas sempre há espaço para melhorar. Trabalho diariamente para atingir o nível mais alto. Estava muito calor, algo que não estou acostumado, mais difícil de respirar, mas tem que ser forte e lutar até o último minuto. Temos um grande elenco em condições de competir por coisas importantes", declarou Lamela, que saiu do banco e fez dois gols na vitória por 3-0.

O time da Andaluzia largou na frente aos 19 minutos, quando En-Nesyri converteu pênalti sofrido por Idrissi. No lance, ele invadiu a área pela esquerda e foi agarrado pelo goleiro Luca Zidane, que foi expulso imediatamente. Na cobrança o marroquino deslocou Dimitrievski e mandou no canto esquerdo.

Com a vantagem o Sevilla empilhou chances desperdiçadas com Acuña e o próprio En-Nesyri e terminou o 1º tempo com 74% de posse de bola. O Rayo Vallecano só conseguiu ameaçar o goleiro Dmitrovic uma vez, em chute de fora da área de Fran García.

A vantagem numérica em campo e no placar fez Lopetegui promover a estreia do argentino, que voltou do intervalo na vaga de Idrissi. Ele demorou apenas 10 minutos para coroar a atuação com gol, que saiu de pé esquerdo após uma jogada construída por ele na direita e que terminou com finalização praticamente da marca do pênalti. O chute desviou na defesa antes de ultrapassar a linha.

Lamela também assumiu cobranças de bola parada e cobrou escanteio que quase resultou em gol de Koundé. O Rayo não conseguia criar, tentou arremates de longa distância com Pathé Cis e até mandou na direção do gol com Martín e Álvaro García, mas ninguém conseguiu diminuir para esboçar uma reação dos visitantes. O Rayo finalizou quatro vezes, sendo três na meta de Dmitrovic, que defendeu todas.

Quando o jogo estava 2-0, Andoni Iraola fez quatro substituições, todas do meio para frente, mas não conseguiu mudar a realidade da partida. Para piorar, o estreante do dia estava inspirado e demonstrou oportunismo depois de uma arrancada do compatriota Papu Gómez pela esquerda. O camisa 24 partiu do campo de defesa, lançou En-Nesiry com um passe em profundidade e ele rolou para a área quando viu o argentino passar nas costas da zaga. Lamela se esticou e acertou o canto esquerdo.

"Papu Gómez e eu nos entendemos logo de cara. Espero que a gente consiga criar muitas chances de gol e quem sabe na próxima eu tenha uma chance de criar uma boa jogada para ele marcar", agradeceu o goleador.

Além da dupla citada anteriormente, o Sevilla possui mais três argentinos no elenco - o lateral-direito Montiel, recém-contratado do River Plate, o lateral-esquerdo Acuña e o atacante Lucas Ocampos. 

Classificação e próximos jogos

Até agora, cinco clubes venceram na abertura de LaLiga, dentre eles o atual campeão Atlético de Madrid (4º). O líder é o Real Madrid, que ganhou de 4-1 do Alavés. O Sevilla está em segundo lugar e logo em seguida vem o Barcelona. Como não marcou gols, o Rayo Vallecano é o lanterna. Real Sociedad e Alavés completam a zona de rebaixamento. A rodada termina nesta segunda-feira (16).

Sevilla e Rayo Vallecano jogam fora de casa na 2ª rodada. Os Vallecanos voltam a campo no domingo (22), quando encaram a Real Sociedad, já o time de Julen Lopetegui terá um dia a mais de descanso porque enfrenta o Getafe apenas na segunda-feira (23).

VAVEL Logo