Swansea surpreende e quebra sequência de 18 jogos sem perder do Liverpool

Equipe de Jürgen Klopp teve muitas dificuldades para lidar com a estratégia defensiva dura dos Swans; equipe galesa agora cresce na briga contra o rebaixamento

Swansea surpreende e quebra sequência de 18 jogos sem perder do Liverpool
Foto: Matthew Ashton - AMA/Getty Images
Swansea City
1 0
Liverpool
Swansea City: Fabianski; Mawson, Van der Hoorn, Fernández, Naughton, Olsson; Dyer (Carroll), Ki Sung-Yueng, Fer, Clucas; Ayew (Bony).
Liverpool: Karius; Gomez, Matip, van Dijk, Robertson; Mané, Wijnaldum (Ings), Can, Oxlade-Chamberlain (Lallana); Firmino, Salah.
Placar: 1-0, min. 40, Mawson.
ÁRBITRO: Neil Swarbick (ING). Cartões amarelos: Robertson (min. 44), Matip (min. 45).
INCIDENCIAS: Jogo válido pela 24ª rodada da Premier League. Partida disputada do Liberty Stadium, em Swansea (GAL).

O Liverpool teve uma sequência de 18 jogos sem perder quebrada pelo Swansea City, no País de Gales. O jogo, vencido pelo time galês por 1 a 0, foi válido pela 24ª rodada da Premier League, nesta segunda-feira (22). Com gol de Alfie Mawson, os Swans respiraram na liga.

O resultado mantém os Reds na zona de classificação à Uefa Champions League na atual temporada da Premier League, em quarto lugar, com 47 pontos. Já o Swansea se mantém na última colocação, com 20 pontos.

Pela Premier League, as duas equipes retornam a campo na próxima semana. O Liverpool visitará o Huddersfield Town, na terça-feira da próxima semana (30), enquanto que o Swansea receberá o Arsenal, também no dia 30.

Swansea surpreende

A primeira etapa foi dominada pela equipe do Liverpool, que teve problemas para furar o bloqueio defensivo dos galeses. Porém, mesmo com os Reds melhores, quem abriu o placar foi o Swansea. Aos 40 minutos de partida, após cobrança de escanteio, Virgil van Dijk cortou a bola de cabeça para o meio da área, mas a redonda esbarrou em Federico Fernández e sobrou para Alfie Mawson, que dominou e finalizou para as redes.

Com a posse de bola em boa parte do tempo no campo adversário, o Liverpool teve suas oportunidades. Aos 30 minutos, Van Dijk tinha a posse da bola na intermediária e fez lançamento pelo alto para Mohamed Salah, o egípcio emendou na direção do gol, mas a bola subiu e isolou. 

Após o gol do Swansea, o Liverpool teve sua oportunidade de empatar. Aos 47 minutos, Mohamed Salah recebeu, em profundidade, bola recuperada no meio de campo, e lançou para Sadio Mané no meio da área, mas o senegalês tentou um voleio e a bola saiu torta para a linha de fundo.

Segundo tempo sem gols

O segundo tempo continuou sendo de grande pressão do Liverpool. A equipe de Jürgen Klopp apostando em cruzamentos, mas também nas trocas de passes para tentar encontrar espaços na defesa da equipe de Carlos Carvalhal.

A equipe dos Reds perdeu chances sucessivamente ao longo do segundo tempo. Entre elas uma chance inacreditável nos acréscimos perdida por Roberto Firmino e Adam Lallana. Virgil van Dijk teve o domínio da bola na ponta da grande área, pelo flanco esquerdo e chuveirou na cabeça de Firmino, que mandou a bola na trave. No rebote, Adam Lallana dominou a bola na pequena área, mas sua finalização foi em cima do defensor do Swansea.

Com a derrota, o Liverpool deixa escapar a terceira posição e vê o Tottenham encostar, com dois pontos de vantagem para a equipe de Mauricio Pocchettino.