Diante do Atlético-PR, atual campeão Fluminense estreia com reservas
Abel deve mandar a campo um time repleto de reservas (Foto: Reprodução/Portal Fluminense)

Quando a tabela colocou frente a frente o último campeão do Campeonato Brasileiro e um time que volta à elite em 2013, a maioria apontava o embate com amplo favoritismo dos cariocas. No entanto, o anúncio de que o Flu utilizará sua equipe reserva pode ter equilibrado o confronto que ocorre neste domingo (26), às 18h30, no Estádio Moacyr de Azevedo, em Macaé.

No Estadual, campanhas semelhantes. Enquanto o Tricolor das Laranjeiras caiu na final da Taça Rio, diante do Botafogo, o Atlético - com seu plantel sub-23 - superou as expectativas e foi vice-campeão contra o Coritiba. O Fluminense, entretanto, vem de um empate sem gols frente ao Olimpia, no primeiro jogo das quartas de final da Libertadores.

Polêmica no último embate entre as equipes

Em 2011, numa partida decidida apenas nos instantes finais, o Furacão levou o empate e se aproximou da zona de rebaixamento. Após primeiro tempo sem grandes emoções, a bola rolou para a etapa derradeira e, aos 17 minutos, Paulo Baier abriu o placar para os anfitriões. O resultado faria o Atlético avançar na classificação e, quem sabe, embalar na caminhada para permanecer na elite; no entanto, com duas expulsões, a coisa complicou para o lado rubro-negro. Sofrendo muita pressão, viu Wagner Reway assinalar pênalti para o Flu no terceiro minuto de acréscimo, este convertido por Fred. A polêmica arbitragem fez com que, ao final do jogo, time e torcida protestassem na Arena da Baixada.

Confiança nos que vão à campo

Focado totalmente na Libertadores da América, Abel Braga garantiu o uso de seu time reserva para a estreia na competição nacional. O confronto acontecerá entre as duas datas dos jogos contra o Olimpia e o treinador disse que os jogadores que irão à campo vão partir pra cima e não terão medo: ''Vou com o time reserva contra o Atlético-PR. Foi assim no ano passado e naquela ocasião ganhamos por 1 a 0 do Corinthians, foi legal. Meu segundo time não tem medo, não. Vamos pra cima. Hoje seria com Gum, Berna, Wellington, Monzón, Anderson, Diguinho, Felipe, Fabio, Samuel, Sóbis... a equipe é forte. Por isso não tenho medo.''

Artilheiro revela boas lembranças do Flu

Marcelo Cirino, atacante, 21 anos. O paranaense não era tão badalado pelo torcedor até a temporada de 2012, quando guiou o rubro-negro ao acesso de volta à elite brasileira com expressivos 16 gols. No entanto, há quatro anos, a história era outra e Marcelo peça desconhecida, quando saiu do banco de reservas para marcar o tento de honra do Atlético diante do Flu, no Maracanã. ''Foi um momento muito bom. Marcar um gol no time principal, com o Maracanã lotado, foi especial. Tenho boas lembranças daquela partida. Com certeza estou mais experiente, com mais responsabilidade e sabedoria dentro de campo'' - disse ao site oficial do clube.

Reservas de um lado e time quase completo do outro

Como citado anteriormente, Abel Braga mandará ao gramado um time completamente reserva. Desde Ricardo Berna, goleiro que defendeu a meta tricolor em 6 oportunidades no Campeonato Carioca, até Samuel Rosa, atacante que marcou quatro gols nos 7 jogos que participou desde o início em 2013. Uma das principais caras do Fluminense para o confronto é Rafael Sóbis, provavelmente o mais ''titular'' dentre todos, cujo volta e meia aparece nas escalações. Felipe, experiente meia de 35 anos, será o encarregado para comandar a ''garotada'' toda.

Se do lado carioca a equipe não é a principal, o Furacão deverá contar com praticamente força máxima para voltar com tudo à Primeira Divisão do Campeonato Brasileiro. A única dúvida de Ricardo Drubscky fica por conta do desfalque de Elias - cujo qual trata de lesão no pé -, na decisão entre Felipe - o mais cotado -, Paulo Baier e Marcos Guilherme para ocupar o centro do campo ao lado de Everton. Fran Mérida, meia badalado ex- Barcelona e Arsenal, fica de fora por opção do treinador. Na parte de trás, quatro peças utilizadas na temporada da Série B (Weverton, Manoel, Cleberson e Pedro Botelho) e uma cara nova: Léo, advindo do surpreendente Sub-23 ou Jonas, lateral-direito ex-Vasco da Gama e Coritiba. A dupla de ataque deve ser formada por Marcelo - artilheiro no ano passado - e Ederson, jovem atleta que estreou como titular anotando dois tentos frente ao América/RN, pela Copa do Brasil.

VAVEL Logo