Elenco do Botafogo se revolta contra atrasos de salários e não viaja para amistoso
Jogadores não viajaram para amistoso diante do Botafogo-PB (Foto: Reprodução/Botafogo)

O elenco do Botafogo, mais uma vez, se revoltou contra a diretoria Alvinegra, por conta dos seus salários atrasados. Sendo assim, o elenco Alvinegro, junto com a comissão técnica, cancelou à viagem para a Paraíba, onde realizaria um amistoso, contra o Botafogo-PB, na reinaguração do estádio Almeidão. 

O Glorioso deve dois meses de salários atrasados aos jogadores e comissão técnica. No próximo dia 5, os atrasos do direitos de imagem completarão cinco meses de atraso, enquanto a Carteira de Trabalho dos jogadores chegam a três meses. A diretoria Alvinegra prometeu que pagaria parte da dívida antes da viagem para a Paraíba, o que não ocorreu, gerando revolta no elenco. 

No início deste ano, os jogadores decidiram ficar 15 minutos sentados no treinamento antes da partida contra o Unión Española (CHI), pela Copa Libertadores. Na época, a partida valia a classificação antecipada do Glorioso às oitavas-de-final da competição sul-americana, o que não ocorreu. O Alvinegro foi derrotado em casa para o time chileno, por 1 a 0, e foi derrotado pelo San Lorenzo(ARG) por 3 a 0, em Bueno Aires, no Nuevo Gasómetro.

Em 2013, o elenco Alvinegro decidiu não se concentrar mais para as partidas, devido aos constantes atrasos de salários. Após perder a sua principal fonte de renda, em Março de 2013, o Engenhão, o Botafogo mergulhou em uma enorme crise financeira. O que causou os atrasos salariais. 

Os ingressos para o amistoso já estavam sendo comercializados. Mais de 10 mil ingressos haviam sido vendidos para o amistoso desta quinta. O governo da Paraíba, Ricardo Vieira Coutinho, estaria presente no Almeidão. 

VAVEL Logo