Ituano consegue gol fora diante do Goiás e segue adiante na Copa do Brasil
Foto: Divulgação/Goiás

O Ituano garantiu passagem a próxima fase da Copa do Brasil, graças a vantagem adquirida no primeiro jogo e um salvador gol fora de casa. O Goiás bem que tentou, mas a vitória por 3 a 1 não evitou a eliminação. O treinador escalou três atacantes que lutaram e deram trabalho para a defesa adversária. Entretanto, a apatia no jogo em Itu não garantiu uma margem que pudesse ser tirada na partida desta quarta, dia 27.

Agora, o Ituano espera o término das outras partidas para definir o adversário que será escolhido por sorteio. O Goiás vai se concentrar no Campeonato Brasileiro, que enfrenta o Grêmio, no domingo, dia 31, no Serra Dourada. Os comandados de Hélio dos Anjos também estão classificados para Copa Sulamericana.

Goiás sai na frente na primeira estapa

O zagueiro Alex Alves comprometeu a boa partida que o Goiás vinha fazendo durante o início e logo no começo, o defensor rebateu mal um lançamento e a bola sobrou para Ronaldo, o atacante finalizou com força e parou no goleiro Renan. Esse foi o primeiro lance ruim do jogador.

A partir daí, o Ituano recuou e esperou os adversários no próprio campo, já que uma derrota por diferença miníma garantia a vaga dos paulistas. Os três atacantes do Esmeraldino, no entanto, fizeram a noite dos defensores do Ituano um pesadelo. Bruno Henrique, Erick e Wesley se movimentavam bastante e criavam boas oportunidades.

Aos cinco minutos, Bruno Henrique dribla a marcação, toca para Wesley na área ajeitar a bola para Erick, o chute saiu errado. Aos 14 minutos, Wesley chuta forte de fora da área e obriga o goleiro a espalmar para escanteio. E aos 28 minutos, Erick sendo oportunista ao aproveitar o chute desviado da zaga e marcar o primeiro da partida. 1 a 0 Goiás no Serra Dourada.

O clube paulista não reagiu ao gol sofrido, mas continou levando pressão, só que começou a evitar as finalizações. Marcando um pouco melhor, o time deixou a criação do adversário a cargo de Felipe Menezes, e a defesa do Ituano não precisou se preocupar, pois o meia goiano não conseguia criar, ou acertar passes em sequencia.

Ituano marca e consegue classificação

O goianos continuavam chegando com perigo, aos cinco da etapa final era Wesley novamente fazendo o goleiro Fábio praticar boas defesas. Aos 19 minutos, um polêmico pênalti não assinalado irritou os jogadores mandantes. As jogadas ofensivas do Goiás poderiam ser melhor se o trabalho dos atacantes fosse facilitado por Felipe Menezes, que desde o jogo começou, não conseguiu fazer uma boa jogada.

A partir dos 25 minutos, o Ituano começou a se arriscar mais, porém com pressa para definir, errava muitos passes. O centro avante Ronaldo jogava isolado e tinha o trabalho dificultado pelos marcadores. No entanto, aos  31 minutos, um pênalti cometido por Alex Alves, colocaria a vantagem do Ituano em um patamar mais alto. O camisa nove de Itu converteu a cobrança empatando a partida e obrigando o rival fazer quatro gols.

Depois da comemoração, o Goiás reagiu. O treinador colocou mais atacantes e mandou o time pra cima. Wesley, aos 33 minutos, recebe cruzamento de Everton, na grande área e chuta para virar o jogo. O Esmeraldino queria correria, precisava fazer mais dois gols.

O nervosismo fez Bruno Henrique isolar uma chance clara de gol aos 38 minutos. Depois, aos 41 minutos, uma esperança apareceu em campo, Wesley constrói boa jogada individual e ajeita de calcanhar para Arthur bater colocado e fazer o terceiro do Goiás. 3 a 1 e o juíz acresce mais sete minutos. E aos 46 minutos, Lucas Coelho desperdiça a ultima chance clara dos donos da casa.

VAVEL Logo