Com Atlético-MG garantido na final da Primeira Liga, Londrina e Cruzeiro decidem a outra vaga
Assim como nas quartas, Rafael segue na meta do Cruzeiro com Fábio poupado (Foto: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro)

O placar simples de 1 a 0 do Atlético-MG sobre o Paraná na noite desse sábado (1) colocou a equipe alvinegra na grande decisão da Copa da Primeira Liga. O adversário ainda é desconhecido pelos atleticanos, mas apenas até este domingo (3). Londrina e Cruzeiro fazem a outra semifinal às 11h, no Estádio do Café, para selarem de vez a outra vaga para a final.

A Raposa terminou a primeira fase da competição na liderança do Grupo C e, em seguida, derrotou o Grêmio por 2 a 0 nas quartas de final. No caso do time paranaense, a situação foi semelhante. A equipe encerrou a primeira fase na ponta do seu grupo e deixou para trás o Fluminense nas quartas, com um triunfo por 2 a 0.

A campanha do Cruzeiro na primeira fase teve um somatório de sete pontos da equipe mineira em seu grupo, com o Londrina chegando a nove no seu. A campanha dos paranaenses, portanto, deu a eles a chance de mandarem o jogo único em casa, uma vez que a performance foi superior ao desempenho do time celeste.

A grande decisão da Copa da Primeira Liga, que será em jogo único, está marcada para o dia 8 de outubro, domingo, até então às 19h30. Antes, porém, resta o episódio Londrina x Cruzeiro, que terá no apito o árbitro Leandro Pedro do Vuaden, do Rio Grande do Sul, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e Búcio Beiersdorf Flor.

Londrina revê Cruzeiro e repete time que bateu o Fluminense nas quartas

Técnico do Londrina, Cláudio Tencati vai rever o Cruzeiro mais de um ano após enfrentar a equipe mineira pela Copa do Brasil, também dirigindo a equipe paranaense. Raposa e Londrina duelaram na segunda fase da competição nacional do ano passado, com vitória celeste por 2 a 0. Apesar do mesmo técnico pelos lados do Londrina, muito mudou no panorama nas equipes. 

O que não deve mudar, no entanto, é a configuração do Tubarão para enfrentar o time celeste neste domingo em relação aos 11 que entraram contra o Fluminense, nas quartas. A atuação da equipe paranaense, que fez 2 a 0 para cima de um 'mistão' do Flu, agradou ao técnico Tencati, que provavelmente vai repetir a escalação. Lesionados e inaptos a atuarem, seguem William Henrique, Igor Miranda, Raí Ramos, Jumar, Ícaro e Lucas Ramon.

Há um mês, o Londrina perdeu uma peça importantíssima para o futebol árabe: o atacante Jonas Belusso, que, mesmo longe da equipe, segue artilheiro do clube na Série B, com 11 gols, além de artilheiro de toda a competição ao lado de Tiago Marques, do Juventude. Desde a saída de Belusso, a equipe fez quatro jogos, do quais conseguiu apenas uma vitória e sofreu três derrotas. 

Apesar da queda, o meia Celsinho valorizou a chance do time paranaense conquistar um título neste resto de temporada. "Será um jogo com um atrativo muito grande para nós, jogadores, e para o clube, com uma visibilidade e uma possível chance de chegar a uma final de competição nacional. É um jogo que temos chance de fazer e marcar história mais uma vez", comentou o jogador. 

Cruzeiro poupa muitos atletas e viaja com novidades da base  

Finalista da Copa do Brasil, o Cruzeiro enfrenta o Flamengo na próxima quinta (7), pela primeira partida da decisão do torneio nacional. Já de olho nesse importante confronto frente aos cariocas, o time celeste que entrará em campo contra o Londrina não será o titular do grupo mineiro. Muitos jogadores sequer viajaram para o Paraná, justamente por precaução de lesões e desgaste.

Além de poupar quase todo o seu time titular, o Cruzeiro ainda recrutou alguns garotos da base para o confronto no sul do país: Lucas Soares, Victor Luiz, Ronaldo, Eduardo, Vander e Nickson atuaram pelo time sub-20 da Raposa e podem ter uma chance  no profissional neste domingo. Muitos atletas ganharam um descanso antes da Copa do Brasil: Fábio, Ezequiel, Léo, Murilo, Diogo Barbosa, Henrique, Hudson, Thiago Neves, Arrascaeta, Alisson, Robinho, Rafael Sobis e Raniel.

À beira do campo, Sidnei Lobo vai comandar a equipe, porque Mano Menezes foi expulso contra o Grêmio, nas quartas. Frequentemente usado pelo comandante celeste, o atacante Sassá não ficou de fora da semi da Primeira Liga, já que não joga a Copa do Brasil. O meia Rafinha também apareceu na lista de relacionados e destacou esse jogo contra o Londrina.

"Mais uma grande oportunidade de estar vestindo a camisa do Cruzeiro. Independente do campeonato em disputa, quando você veste esse manto a obrigação é de sempre vencer. Então os jogadores que vão para Londrina tem esse compromisso de buscar a vaga na final para decidirmos em casa e quem sabe conquistar mais um título para o Cruzeiro", afirmou.

Quem pode estrear pela Raposa neste domingo é o meia Messidoro, que chegou recentemente à equipe. O argentino se envolveu na troca entre Cruzeiro e Boca Juniors, negociação que levou Ramón Ábila de volta ao futebol argentino. Messidoro ainda não atuou pela equipe mineira.

Confira a lista de relacionados do Cruzeiro:

Goleiros: Lucas França e Rafael
Lateral-direito: Lucas Soares e Lennon
Zagueiros: Arthur, Digão e Ronaldo
Laterais-esquerdos: Bryan e Victor Luiz
Meio-campistas: Alex, Eduardo, Vander, Elber, Lucas Silva, Messidoro, Nickson, Nonoca, Rafinha
Atacantes: Careca e Sassá

VAVEL Logo