Em meio a polêmicas, Lucas Fonseca se aproxima de retorno aos gramados

Em meio a polêmicas, Lucas Fonseca se aproxima de retorno aos gramados

Atleta de 32 anos tem maior número de partidas com camisa tricolor dentre atual elenco e está próximo do retorno após desconforto muscular

pyettra-feitosa
Pyettra Feitosa

Lucas Fonseca, de 32 anos, chegou ao Bahia em 2016, desde então entrou em campo com a camisa do tricolor em 166 ocasiões, podendo completar ainda esse ano 100 aparições somente na Série A, bastanto que apareça em 13 rodadas do campeonato nesta época. No currículo o zagueiro traz consigo um acesso à primeira divisão, uma Copa do Nordeste e dois Campeonatos Baianos.

Recuperando-se de um incômodo muscular desde a final do Baianão, o jogador fica próximo de estar à disposição do técnico Guto Ferreira. Enquanto esteve fora, o Bahia enfrentou o Blooming pela Sul-americana 2018 e o Internacional na volta da equipe à elite do futebol nacional, nas duas ocasiões o tricolor não conseguiu se sair bem e acabou trazendo para casa o resultado negativo, tomando três tentos em apenas duas partidas.

Em sua passagem pelo Bahia, Lucas Fonseca já se deparou com momentos conturbados, desde a polêmica com Kanu (zagueiro rubro-negro) em abril do ano passado, em que reclamou de um suposto mau-hálito do colega de profissão, desde então a rivalidade de ambos continuou mais forte a cada Ba-Vi que se passou. Após isso, em partida contra o Flamengo no campeonato brasileiro, o jogador simulou um empurrão de Guerrero, mas não convenceu a arbitragem que lhe deu o segundo amarelo, acarretando em expulsão e posteriormente o atleta foi supenso por dois jogos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Em 2018 o atleta tentou se manter longe das polêmicas, mas no primeiro Ba-Vi desse ano, Vinícius comemorava gol com dancinha em frente à torcida rubro-negra, então os atletas do Vitória partiram para agressão ao meia, o tumulto resultou em uma confusão generalizada e acarretou a expulsão de jogadores de ambas as equipes, um total de sete. Na súmula, o árbitro da partida Jailson Macêdo afirmou que Lucas foi expulso por "empurrar com uso de força excessiva na altura do pescoço" o atacante rubro-negro Denilson.

Lucas tem contrato somente até o fim deste ano, o jogador disputa a sexta temporada com a camisa tricolor, tendo sua primeira passagem em 2012 quando foi emprestado pelo Mogi-Mirim, em seguida assinou contrato por duas temporadas, em 2015 deixou o Bahia para jogar no futebol chinês, retornando em 2016. 

VAVEL Logo
CHAT