Na volta, Guerrero se emociona com apoio da torcida: "Não quero deixar o futebol"

Peruano retornou aos gramados após seis meses de suspensão por doping, e foi um dos mais ovacionados pelo torcida na vitória sobre o Inter por 2 a 0

Na volta, Guerrero se emociona com apoio da torcida: "Não quero deixar o futebol"
(Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo)

Nesse domingo (6), Flamengo venceu o Internacional por 2 a 0, e se isolou na liderança do Brasileirão com 10 pontos. Além da importante vitória, a partida marcou o retorno de Paolo Guerrero aos gramados após seis meses de punição imposta pela Fifa por doping. O atacante fez a alegria dos mais de 60 mil rubro-negros que lotaram o Maracanã, e emocionaram o Peruano, que afirmou ser inocente da acusação de doping:

"Muito emocionado, grande público, Maracanã lotado, vencemos por 2 a 0. Mereço depois do que passei nesses 6 meses. Joguei hoje, tomara que dê certo. Estou muito confiante porque sou inocente. Quero jogar. Futebol é a minha vida. Não quero deixar o futebol. Está nas mãos dos três juízes da Corte que estão julgando. Estou confiante porque sou inocente, não fiz nada que pode me complicar. Sou profissional, me cuido. Sei as coisas que posso tomar e ingerir. Sou atleta, estou muito feliz e emocionado por estar pronto para jogar", comentou.

+ Invicto no Fla, Barbieri exalta forma de atuar: “Vamos jogar assim até onde a gente conseguir”

O atacante ainda não tem a renovação do contrato, que se encerra no meio do ano, definida mas espera voltar ao Rubro-Negro depois da Copa do Mundo, e quer levar o Flamengo ao título da Libertadores, sonho de consumo da torcida carioca:

"Estou aguardando a decisão, que vai ser importante para mim. Confiante que vai dar tudo certo, sou inocente. Depois, é ganhar os jogos enquanto estiver aqui, participar da Copa pelo meu país e voltar para o Flamengo e ganhar essa Liberta, que é esperada por todos os rubro-negros. Tenho meus objetivos traçados, e espero conseguir todos", ressaltou o camisa 9.

Guerrero e o Flamengo voltarão a campo na próxima quinta-feira (10) às 19h30, no Maracanã, para receber a Ponte Preta na partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. Em Campinas, Henrique Dourado marcou o gol da vitória do Rubro-Negro por 1 a 0, e a equipe carioca joga pelo empate para se classificar para a próxima fase.