Jonas ganha confiança no Flamengo e comenta mudança de postura: "Tenho evitado faltas desnecessárias"

Jonas ganha confiança no Flamengo e comenta mudança de postura: "Tenho evitado faltas desnecessárias"

Volante rubro-negro vem se destacando pelo alto índice de roubo de bolas, ao mesmo tempo demonstra melhora no número alto passes certos e pequena quantidade de faltas em relação à ultima passagem

mathenrique
Matheus Henrique

A equipe do Flamengo tem se destacado por peças idealizadas como meros coadjuvantes e que com o passar do tempo se firmaram entre importantes nomes dentro do elenco. Em meio ao bom desempenho dos jovens da equipe, outro jogador que vem surpreendendo a torcida em seu rendimento é o volante Jonas, que retornou de empréstimo no início da temporada e vem se mantendo no plantel de Mauricio Barbieri com boas aparições.

Jonas chegou ao Rubro-Negro em 2015 após chamar atenção no Sampaio Corrêa, onde ganhou apelido de 'Schweinteiger do Maranhão', em referência ao meia alemão campeão do mundo em 2014. Guardadas as proporções, Jonas não demonstrou tamanha habilidade que justificasse o apelido e ficou com fama de jogador violento por conta de algumas duras entradas naquela temporada.

Além disso, naquele ano o Flamengo vivia conturbado momento, sem ainda exacerbado investimento como atualmente e sem resultados positivos dentro de campo. Com isso, Jonas foi emprestado no ano seguinte para a Ponte Preta e depois passou por Dínamo Zagreb (Croácia) - onde chegou a disputar partida da Champions League - e Coritiba, rebaixado na edição passada Campeonato Brasileiro.

Mesmo com o descenso, Jonas se destacou em alguns jogos do Coxa, ganhou créditos com o treinador da equipe na época, Marcelo Oliveira, e chamou novamente a atenção da diretoria rubro-negra, que optou por sua volta ao elenco carioca. Na reapresentação, Jonas esteve no grupo inicial de Carpegiani, formado por apenas sete jogadores, a maioria da base. No início do Campeonato Carioca, o volante ganhou rodagem como titular, entre eles alguns com a faixa de capitão, e fez boas aparições.

Seu principal teste foi na Libertadores da América: com Cuéllar, dono da vaga de primeiro-volante, tendo de cumprir suspensão, Jonas foi o escolhido para participar das duas primeiras partidas da competição, a qual tinha enorme importância para o clube diante dos vexames nas edições anteriores, e o volante cumpriu bem sua função. 

Nos dois duelos, Jonas passou segurança ao resto da zaga e se destacou por alto número de roubo de bolas e passes certos, algo incomum para muitos da posição e apontado como uma de suas dificuldades na primeira passagem. Essa postura se manteve no decorrer das partidas do ano, e o jogador vem sendo muito elogiado quando entra nos jogos.

O camisa 14 comentou sobre suas principais virtudes e a mudança de postura ocasionada nessa nova passagem:

"O desarme sempre foi uma de minhas virtudes. Procuro treinar bastante algumas técnicas que desenvolvi ao longo da carreira para me aperfeiçoar mais nesse quesito(...) Tenho evitado faltas desnecessárias e usado mais da paciência na hora de dar o bote. Somos um time que gosta de trabalhar com a bola no pé. Por isso, roubar bolas tem sido essencial para a nossa proposta de jogo", comentou Jonas.

Na vitória fora de casa contra o Atlético-MG, ele formou o sistema defensivo com dois zagueiros jovens, Léo Duarte e Thuler. Juntos, foram o principal ponto de força da equipe e tiveram grande influência no resultado. Sobre isso, Jonas preferiu valorizar o trabalho diário como fruto do bom desempenho: "Venho trabalhando muito no dia a dia para estar na minha melhor forma e poder ajudar o Flamengo quando acionado. Fico muito contente pela vitória de sábado e pela atuação" - disse o volante.

Nas próximas partidas, contra Bahia e Corinthians, o colombiano Cuéllar novamente desfalcará a equipe rubro-negra por estar reunido com sua seleção. Sendo assim, Jonas permanece entre os titulares de Mauricio Barbieri. O primeiro compromisso será contra a equipe de Salvador, nesta quinta-feira (31), às 16h, no Maracanã. No domingo (3), o Rubro-Negro enfrenta a equipe paulista novamente no Maracanã e no mesmo horário.

VAVEL Logo

Flamengo Notícias

há um dia
há um dia
há um dia
há 2 dias
há 2 dias
há 2 dias
há 2 dias
há 3 dias
há 3 dias
há 6 dias
há 6 dias