Marcelo Oliveira elogia Rodolfo e celebra vitória sobre o Botafogo: ''Merecemos ganhar''

Técnico diz que expectativa é de arrancada após triunfo no clássico deste domingo (9); ele também criticou o gramado do Maracanã

Marcelo Oliveira elogia Rodolfo e celebra vitória sobre o Botafogo: ''Merecemos ganhar''
Foto: Lucas Merçon/Fluminense

Após três jogos, o Fluminense reencontrou o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro. Neste domingo (9), o Tricolor bateu o Botafogo por 1 a 0, no Maracanã. Em entrevista coletiva após a partida, o técnico Marcelo Oliveira afirmou que o triunfo no clássico teve um sabor especial.

''A vitória em um clássico é especial. Se fosse em um jogo normal, seria importante pela classificação. A gente estava empacado ali, pontuando pouco. Em clássico, deve ser mais comemorada ainda. Temos a possibilidade de arrancada. Isso gera confiança. O adversário jogou bem, nos trouxe problema. O jogo teve certa predominância nossa. O Botafogo depois chegou com perigo, tivemos duas chances de matar o jogo no segundo tempo e não concluímos bem'', analisou

O comandante também elogiou o goleiro Rodolfo, que entrou no intervalo e defendeu o pênalti batido por Rodrigo Lindoso na etapa final.

''É muito bom esse tipo de coisa, a participação do banco. O suplente tem de estar preparado sempre, treinando muito bem. Pois o jogo é muito físico e gera muito desgaste. Julio sentiu, Rodolfo foi bem. A gente treina muito pênalti para os atacantes e goleiro. Seria injusto se a gente sofresse o empate. A gente merecia ganhar o jogo.''

Sobre os objetivos do time no Brasileiro, Marcelo diz que a vitória deste domingo dá ao Flu forças para alcançar melhores posições na tabela de classifação.

''Estamos falando disso diariamente. Criamos objetivos, estamos perseguindo. Vez por outra a vitória foge, como São Paulo e Vitória. Acho que devemos passar para a primeira página da classificação. Essa vitória de hoje fortalece o grupo, dá confiança. Isso nos dá essa expectativa de ter arrancada para posições melhores no campeonato. O campeonato é muito longo, por vezes, criamos metas para momentos. Isso é algo interno. Temos uma meta mínima e um desafio para essas sequência de jogos.''

Por fim, o treinador criticou o gramado do Maracanã: ''Embora o Fluminense seja parceiro do Maracanã, como técnico tem de reclamar. O campo está muito ruim. Tem vezes que cruzamento não sai ou uma bola não é dominada por conta do campo. Todos observam isso e alguma coisa precisa deve ser tomada. O estádio é maravilhoso e precisa de um gramado bom'', encerrou.

O Fluminense é o oitavo colocado no Brasileirão. Na próxima rodada, visita o Atlético-PR, domingo (16), às 16h, na Arena da Baixada.