Grolli admite jogo difícil, mas sinaliza Bahia esperançoso contra Botafogo
Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia

Grolli admite jogo difícil, mas sinaliza Bahia esperançoso contra Botafogo

Zagueiro afirmou que avançar na Sul-Americana pode trazer mudança de atitude no Tricolor baiano

miguel-angelo
Miguel Inácio

Douglas Grolli ganhou espaço na zaga do Bahia nas últimas partidas. Titular nos últimos quatro jogos, o zagueiro também deve entrar em campo contra o Botafogo, na próxima quarta-feira (3), pela Copa Sul-Americana. No primeiro jogo, o Tricolor de Aço sofreu, mas venceu por 2 a 1, com direito a festival de gols perdidos pela equipe carioca. Para o jogo de volta, Grolli imagina um jogo difícil, mas tem esperanças de fazer uma boa partida.

“Jogo muito difícil. Fizeram promoção de ingresso, casa cheia, mas a gente gosta disso também, o jogo fica... Consegue ter uma tensão maior com muito público, então a gente fica feliz com isso. Sabemos que vai ser um jogo bem truncado, porque o adversário tem qualidade, nos deu muito trabalho aqui. Mas sabemos que temos condição de passar. Tem essa pequena vantagem. Não dá para se apegar a ela, mas a gente pode fazer um grande jogo. Quem sabe, comece a nossa reação em uma competição diferente, em que a gente muda a chave e tem total condição de buscar. E esse é o nosso objetivo”, disse.

+ Confira ofertas de nosso parceiro Futfanatics

O zagueiro admitiu ainda uma atuação abaixo do esperado do Bahia na partida de ida, na Arena Fonte Nova. Para sair com a classificação no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, Grolli pediu atenção para os lances de bola parada do Alvinegro.

”Eles acabaram criando bastante mas ao mesmo tempo foi um jogo em que não tivemos o melhor desempenho, oscilamos um pouco. Eles têm uma bola parada forte, que nos deu muito trabalho. Vamos ter atenção para neutralizar isso. Estar atento a cada lance, em um mata-mata pode decidir a partida. Temos que estar ligados para não dar espaço ao adversário”, afirmou.

Douglas Grolli comentou ainda que uma classificação às quartas de final pode dar um gás extra à equipe, impulsionando a campanha no Brasileirão para brigar por uma vaga na Libertadores. O zagueiro também mostrou entusiasmo ao falar de um possível título da Copa Sul-Americana.

“Estamos motivados sempre. Sabemos que precisamos reverter e pontuar o mais rápido possível no Brasileiro. Se a gente engatar dois triunfos, embala e muda a situação. Por isso está tão disputado. Até a zona de cima distancia um pouco, mas a pré-libertadores não é uma diferença tão grande de nós. Esperamos melhorar no Brasileiro e ter essa chance de fazer história. O Bahia não tem título dessa expressão e a gente tem a chance de fazer história no clube. Vamos em busca desse objetivo”, contou.

Botafogo e Bahia se enfrentam no Estádio Nilton Santos, às 21h45 desta quarta-feira. A partida é válida pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O Tricolor baiano precisa apenas de um empate para se classificar. Um triunfo dos cariocas por 1 a 0, classifica o Fogão. A partir de 2 a 1, o placar é favorável aos baianos.

VAVEL Logo