Botafogo fecha convênio para disputar Série A2 do Brasileiro de futebol feminino
(Reprodução/Instagram Botafogo)

Botafogo fecha convênio para disputar Série A2 do Brasileiro de futebol feminino

Quase em cima do prazo, Alvinegro fechou um convênio junto com o Núcleo Esportivo Sulacap para ter um time de futebol feminino em atividade nos gramados brasileiros 

marco-aurelio
Marco Aurélio Ferreira de Alencar

Em um convênio firmado com o Núcleo Esportivo Sulacap, o Botafogo está fazendo os preparativos finais no elenco para a estreia do clube na Série A2 do Campeonato Brasileiro de futebol feminino. O jogo está marcado para o final de março, e o Glorioso vai até o Espírito Santo para enfrentar o Vila Nova pela primeira partida das atletas na competição.

Está atitude do clube carioca deve-se a decisão da Conmebol, publicada em 2016, que obriga, a partir deste ano, todas as equipes que forem disputar a Libertadores ou a Copa Sul-Americana a terem times femininos em atividade. Para cumprir esta exigência da entidade, o Alvinegro primeiramente pensou em uma parceria com uma organização, que usaria o nome do clube e disputaria a Séria A2 da competição. Com isso, a empresa escolhida arcaria com todos os custos.

Entretanto, está opção não avançou, então o clube optou pelo convênio. Assim, o Núcleo Esportivo Sulacap vai ceder as jogadoras ao Botafogo, que por sua vez vai cuidar da administração do time e das despesas.

"Fizemos um convênio com o Núcleo Esportivo Sulacap, uma organização social que tem o esporte como uma de suas atividades. O Botafogo tem preferência pelo uso das jogadoras, do conhecimento e da estrutura que eles têm no futebol feminino. Eles cedem atletas, e o Botafogo toca o futebol feminino. A treinadora, a preparadora física e mais alguns membros da comissão técnica também são do Núcleo", explicou o vice-presidente executivo do clube, Luís Fernando Santos.

Ainda finalizando o elenco que vai disputar a Séria A2 do Campeonato Brasileiro de futebol feminino, a treinadora Glayci, junto com membros da comissão técnica, e do próprio clube, estão ajeitando as arestas da equipe que no fim do mês vai dar o primeiro passo na competição mais importante que irão jogar em 2019. Nesta semana, é previsto que mais algumas atletas se juntem ao restante do time.

Foi uma obrigatoriedade. Um passo pequeno para chegarmos mais longe. Vai demorar um pouco mais para haver uma solidez. A gente espera que o calendário tenha mais atividades, porque é um calendário pequeno hoje. Mas a única forma é obrigar. Comercialmente não é atrativo ainda: você não investe porque não é atrativo e vice-versa. A gente entra e quer ganhar, então as equipes vão querer competir. Estamos focando nisso, começando agora, um pouco atrasados. Esperamos fazer um campeonato decente", completou Luís Fernando

O campeonato possui 36 equipes, e é dividido em seis grupos. O Botafogo caiu no grupo 6, junto com Chapecoense, Vila Nova-ES, Duque de Caxias, América Mineiro e São Paulo. Nesta fase, todos se enfrentam. Além deste torneio, o Glorioso vai disputar o Campeonato Carioca sub-18 em agosto.

VAVEL Logo