Quem cai? Seis equipes buscam permanência na elite do Paulistão em rodada decisiva
Foto: Luiz Guilherme Martins/ AA Ponte Preta

Os estaduais costumam dividir opiniões populares dos torcedores, clubes e imprensa: qual a melhor forma de conduzir o campeonato? Na competição organizada pela Federação Paulista de Futebol (FPF), o regulamento protocolado garante uma situação inusitada na última rodada: seis clubes correm risco de rebaixamento, enquanto três deles também almejam uma vaga nas quartas-de-final do Campeonato Paulista.

Passado 11 rodadas, o Paulistão terá neste domingo, seu capítulo final desta primeira fase. Enquanto na parte alta da classificação geral, o Bragantino lidera em companhia do Santo André e até Palmeiras, mas no outro extremo da tabela, a Ferroviária, Botafogo/SP, Ituano, Água Santa, Ponte Preta e Oeste correm risco eminente de rebaixamento.

O regulamento

O regulamento da primeira fase estadual paulista, separa quatro equipes por quatro grupos. Cada clube se enfrenta, com exceção dos que integram a mesma chave. A organização distinguiu um clube grande para cada grupo, garantindo todos os clássicos na fase de grupos.

Por outro lado, os dois piores times com menos pontuação, serão rebaixados à A2 Paulista. Assim como ocorre nesta temporada, existe a possibilidade de um único grupo ter os dois rebaixados de uma só vez.

Situação atual

Lanterna no grupo D com 12 pontos, a Ferroviária possui uma remota chance de rebaixamento. Na última rodada, o time enfrenta a Inter de Limeira, que já garantiu permanência na elite, em jogo marcado para o Morumbi.

Após vencer o Guarani por 2 a 0, o Botafogo deixou a zona da degola na penúltima rodada, e agora só depende de si para se manter na elite. Também lanterna, mas no Grupo B, o time de Ribeirão Preto soma 11 pontos e enfrenta o melhor time da competição, mas já classificado, Red Bull Bragantino, no estádio José Liberatti.

Mais um lanterna, o Ituano que está no Grupo C, tem 11 pontos e apesar de só depender de si, enfrenta o Santo André no Canindé, o segundo melhor time da competição. Após empatar em 0 a 0 na última rodada, o Rubro-negro adiou sua permanência e está a um ponto do primeiro time virtualmente rebaixado.

Por fim, a situação mais complexa do campeonato abriga três clubes do Grupo A. Segundo colocado e até então classificado para a fase mata-mata, o Água Santa que também tem 11 pontos, pode deixar de avançar no campeonato e ser rebaixado com apenas um empate. O time terá a ingrata missão de vencer o Palmeiras no Allianz Park para não depender de uma combinação de resultados.

Já a Ponte Preta e o Oeste que são as equipes que jogarão a última rodada como virtuais rebaixados, possuem 10 pontos cada. A Macaca enfrenta o Mirassol, e pode garantir sua permanência e de quebra, se infiltrar entre os oito melhores times do estadual. Em contrapartida, o Oeste que é o pior time da elite, na tabela geral, encara o Corinthians na Arena Barueri. Em caso de vitória, o Oeste também pode se classificar para as finais, ou se perder, será rebaixado.

Partidas

Confira abaixo os jogos da última rodada do Paulistão, onde todos os jogos ocorrerão ao domingo, às 16h.

Red Bull Bragantino x Botafogo - José Liberatti

Ferroviária x Inter de Limeira - Morumbi

Guarani x São Paulo - Vila Belmiro

Mirassol x Ponte Preta - Primeiro de Maio

Novorizontino x Santos - Arena Corinthians

Oeste x Corinthians - Arena Barueri

Palmeiras x Água Santa - Allianz Park

Santo André x Ituano - Canindé

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo