Corinthians bate Grêmio em casa e confirma vaga na semifinal do Brasileirão Feminino
Foto: Divulgação/Corinthians

Na Neo Química Arena, o Corinthians venceu o Grêmio pelo placar de 2 a 1 na noite desta segunda e ficou com a vaga na próxima fase do Brasileirão Feminino. A equipe paulista contou com gols de Gabi Zanotti e Tamires para ir à semifinal enfrentar o Palmeiras. Eudimilla marcou para o Tricolor. 

A primeira etapa foi movimentada. O time da casa começou pressionando, mas as visitantes conseguiram equilibrar o jogo. Aos cinco minutos, Yasmim cobrou falta e mandou muito perto do ângulo da goleira Raíssa. Aos 11, foi a vez do Grêmio aparecer em contra-ataque, Marta chegou na área para cruzar, porém a defesa corintiana fez o corte. 

O primeiro gol do jogo saiu aos 30, quando Zanotti recebeu perto da área, teve tempo de dominar e fazer o giro para soltar a bomba, mandando a bola no fundo da rede. Ela já havia arriscado de bicicleta em lance anterior.

O Grêmio chegou ao empate aos 37. Eudimilla, aproveitou que Lelê estava fora do gol e finalizou de longe, encobrindo a goleira. 

Aos 46, Zanotti aproveitou saída errada do Grêmio, cortou a marcação e deixou para Andressinha, que viu Tamires livre atrás da defesa gremista e fez o passe para a companheira marcar o segundo gol do Corinthians. 

No segundo tempo, só deu Corinthians no ataque. Coube a Raíssa salvar o Tricolor. Aos 13, Adriana driblou a marcação e levantou na área, a zaga gremista tentou afastar no primeiro momento, mas a bola sobrou para Zanotti, que fez o giro e bateu para boa defesa da goleira do Grêmio. A pressão corintiana continuou. Aos 20, Portilho arriscou de longe e mandou por cima do gol.

A estrela da goleira gremista brilhou mais uma vez aos 33 da etapa final. Após toque de mão na área, a arbitragem marcou pênalti para as donas da casa. Gabi Nunes foi para a cobrança e Raíssa pulou para fazer grande defesa, salvando mais uma vez sua equipe. 

Em chance única, o Grêmio apareceu no ataque aos 43. Letícia chegou na frente, se livrou da marcação, mas Paulinha surgiu para cortar na hora da finalização da atleta do time gaúcho. Mesmo com a pressão corintiana, não saiu gol no tempo final.

VAVEL Logo