Felipão cita erros de planejamento do Cruzeiro e mira 2021: "Não pode ter 12 juniores"
Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

O empate sem gols diante do Cuiabá não foi como o Cruzeiro esperava.  A Raposa teve amplo domínio na Arena Independência. Foram 65% de posse de bola e seis finalizações certas. No entanto, não conseguiu furar a defesa dourada. O técnico Luiz Felipe Scolari salientou a participação dos seus comandados, mas que faltou caprichar no último passe.

"Notamos algumas dificuldades durante o jogo. Nós ficamos em cima, jogamos um jogo com a parte tática bem organizada, bem definida. Os atletas participaram, tivemos momentos em que fomos grandemente superiores, trabalhamos bem mais a bola do que em outros jogos, mas faltou a qualidade final. É isso que estamos trabalhando. Falta aquela última jogada, último passe correto, último cruzamento bem feito. Uma série de detalhes. É assim que tem acontecido. Desde que chegamos trabalhamos nesse aspecto e sabemos o que é que temos que fazer para isso acontecer melhor no ano que vem".

O Cruzeiro não vence há quatro jogos. Atualmente, figura o 11º lugar, somando 41 pontos - sendo seis de diferença para o primeiro time da zona de rebaixamento e oito para o G-4.  

Felipão comentou sobre o erro do planejamento para o início da temporada, no qual, o time possuía um tanto de jovens. Ele argumentou que chegou para tirar o time estrelada da Série C

"O que eu vim para fazer, e vamos fazer, é tirar o Cruzeiro da Série C. O Cruzeiro tinha 13 pontos, era o 19º e estava há oito ou nove rodadas na zona de rebaixamento. Pronto. Não está. Ganhando três ou quatro pontos, ficará na B. Agora, tudo isso foi montado no início do ano, e eu não tenho como discutir o que é que pensaram e como pensaram. Tenho que pensar na equipe que assumimos. Quando assumimos, fizemos os pontos necessários para sair da Série C. Não sai da Série C só com camisa, sai com jogadores. Não sai só com meninos, sai com jogadores um pouco mais veteranos e mais rodados. Tudo isso é uma questão que temos de estudar para o ano que vem, pronto". 

Felipão já pensa na próxima temporada. Mais destacou, novamente, que não pode ter apenas jovens no elenco.

"Agora é voltar novamente aos treinamentos e fazer com que a gente consiga os pontos necessários. Depois, em cima do que foi trabalhado este ano, montar a equipe para o ano que vem. Mas com pensamento diferente. Não pode ter 12 juniores não, de jeito nenhum”.

VAVEL Logo