Objetivos diferentes: Fluminense e Botafogo podem definir seus futuros no "Clássico Vovô"
Foto: Mailson Santana/Fluminense F.C.

Em lados opostos na tabela de classificação, Fluminense e Botafogo se enfrentam a partir das 20h30 deste domingo (24), em jogo válido pela 32ª rodada do Brasileirão. O Clássico Vovô será disputado em São Januário, já que o Maracanã está entregue à CONMEBOL para a preparação da final da Copa Libertadores, marcada para o próximo sábado (30). Além disso, a partida não poderia ser disputada no Nilton Santos, já que o estádio é a casa do Botafogo, o que configuraria inversão de mando.

O Fluminense ocupa a sétima colocação no Brasileirão, com 47 pontos. Ainda na briga por um lugar na Libertadores, o clube pode contar com uma possível transformação do G-6 em G-7 ou, até, em G-8. No entanto, o Tricolor não pode vacilar, pois seus rivais diretos pela vaga na competição continental - Santos e Corinthians - têm um jogo a menos e podem ultrapassar o time carioca no meio de semana em caso de tropeço no clássico. 

Já o Botafogo está em uma situação desesperadora. Lanterna, com apenas 23 pontos, o Alvinegro faz as contas e precisa vencer todas as partidas daqui para frente para seguir sonhando com a permanência na Série A em 2021. O time está a nove pontos do Bahia, primeira equipe fora da zona de rebaixamento, faltando apenas sete rodadas para o fim do campeonato.

Sem Fred, Fluminense pode ter joia da base no time titular

Um dos líderes do time e maior ídolo da história recente do Tricolor, Fred recebeu o terceiro cartão amarelo no jogo contra o Coritiba e está suspenso. Como seu reserva imediato, Felippe Cardoso, testou positivo para Covid-19, o jovem John Kennedy, de 18 anos, pode aparecer pela primeira vez como titular. Na última partida, a joia da base entrou no segundo tempo e marcou seu primeiro gol como profissional. Outras mudanças que podem ser promovidas por Marcão são a entrada de Nino na zaga, no lugar de Matheus Ferraz, e o retorno de Nenê ao ataque na vaga de Lucca.

Provável escalação do Fluminense: Marcos Felipe; Calegari, Luccas Claro, Nino e Egídio; Martinelli, Yago e Michel Araújo; Luiz Henrique, Nenê (Lucca) e John Kennedy. Técnico: Marcão

Desfalques: Fred e Caio Paulista (suspensos); Felippe Cardoso (Covid-19); Ganso (apendicite).

Pendurados: Martinelli, Yago Felipe, Calegari, Danilo Barcelos, Fernando Pacheco, Matheus Ferraz, Michel Araújo, Igor Julião, André e Nenê.

Barroca deve escalar o Botafogo com três zagueiros

Com a lesão muscular do atacante Pedro Raul, que vinha sendo titular nas últimas rodadas, a tendência é que Eduardo Barroca monte o Botafogo com três zagueiros: Marcelo Benevenuto, Kanu e Rafael Foster. Essa pode ser, inclusive, a última partida de Kanu pelo Glorioso, já que o defensor tem negociações em andamento com o Cruz Azul, do México. Por fim, Diego Cavalieri se recuperou de um problema clínico que o afastou das últimas duas partidas e deve voltar a ser o titular da meta alvinegra, no lugar de Diego Lourenço.

Provável escalação do Botafogo: Diego Cavalieri; Marcelo Benevenuto, Kanu e Rafael Forster; Kevin, José Welison, Caio Alexandre, Bruno Nazário e Victor Luis; Matheus Babi e Matheus Nascimento.

Desfalques: Gatito Fernández, Pedro Raul, Guilherme Santos e Lucas Barros (lesionados); Luiz Otávio (em transição).

Pendurados: Kanu, Diego Cavalieri, Rhuan e Pedro Raul.

Arbitragem de Fluminense x Botafogo

Árbitra: Edina Alves Batista (Fifa/SP)

Assistente 1:Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa/SP));

Assistente 2: Neuza Ines Back (Fifa/SP);

VAR: José Claudio Rocha Filho (SP).

VAVEL Logo