Em duelo direto pelo G-4, Flamengo e Athletico fazem primeiro de dois confrontos seguidos
Éverton Cebolinha e Fabrício Bruno devem começar entre os 11 iniciais (Foto: Marcelo Cortes / Flamengo)

Nos últimos anos, Flamengo e Athletico-PR têm sido sinônimo de jogos decisivos. A partida deste domingo, que será disputada no Maracanã às 16h, válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro, não será diferente, pois será um confronto direto pelo G4.

O Furacão atualmente ocupa a quarta posição com 37 pontos, seguido de perto pelo rubro-negro carioca, que é o quinto, com 36. O confronto também antecede a partida de volta da Copa do Brasil, em que as equipes se encontrarão na Arena da Baixada para definir quem irá avançar para a semifinal - a ida terminou em 0 a 0.

Para o time paranaense, vencer pode significar um salto de duas posições na tabela de classificação. Com a derrota do Corinthians para o líder Palmeiras no sábado (13), uma combinação de resultados leva o Athletico à vice-liderança do Brasileirão. A equipe de Felipão segue embalada pela vitória de virada sobre o Atlético-MG na rodada anterior e pela classificação para as semifinais da Libertadores em cima do Estudiantes nos acréscimos.

O Flamengo chega a partida de hoje embalado pela boa fase. Juntando todas as competições que disputa, o rubro-negro não perde a nove jogos. Entre eles, as classificações em cima do Galo pela Copa do Brasil, as vitórias contra o Corinthians pela Libertadores e a boa campanha no Campeonato Brasileiro, com cinco vitórias seguidas, que tirou o time do meio da tabela e levou à briga pelo grupo dos quatro primeiros.

Histórico Flamengo x Athletico

O histórico de confronto entre os dois clubes mostra equilíbrio. Em 71 jogos, o Fla levou a melhor 27 vezes, já o Furacão venceu outras 26, além de 18 empates. Porém, nos últimos cinco duelos, o Athletico virou uma pedra no sapato do time carioca. Foram duas vitórias paranaenses e três empates, o que inclui a vitória por 3 a 0 no Maracanã pela semifinal da Copa do Brasil de 2021.

  • Dorival Júnior deve poupar titulares

Em meio à sequência decisiva pela Libertadores e Copa do Brasil, o Flamengo pode entrar em campo logo mais com um time alternativo novamente. O trio de ataque deve ser formado por Marinho, Éverton Cebolinha e Victor Hugo ou Lázaro, que disputam a vaga. O meia Thiago Maia, que está suspenso na Copa do Brasil,  também deve começar jogando. Entre as possíveis novidades, estão os recém- contratados Pulgar e Varela, que podem pintar no banco de reservas.

Com o plantel quase todo disponível, as únicas ausências são o zagueiro Rodrigo Caio, que segue se recuperando de um problema no joelho, e o atacante Bruno Henrique, que operou o joelho e segue em tratamento. Entre os possíveis titulares para logo mais, treês jogadores estão pendurados com dois cartões amarelos: o lateral direito Matheuzinho, o zagueiro Fabrício Bruno e o atacante Lázaro.

Provável escalação: Santos, Matheuzinho, Fabrício Bruno, Pablo e Ayrton Lucas; Diego, Thiago Maia e Victor Hugo; Marinho, Everton Cebolinha e Lázaro (Victor Hugo).

  • De olho na Copa do Brasil, jogadores importantes do Furacão serão poupados

O técnico Luiz Felipe Scolari pode entrar em campo sem boa parte dos titulares na tarde deste domingo. Priorizando os mata-matas, o time que deve entrar em campo contará com alguns “reforços”: o lateral direito Orejuela, o volante Alex Santana e o atacante e destaque da equipe Vitor Roque. Os três jogadores não podem atuar na Copa do Brasil, por isso deverão ser utilizados na partida.

O jovem atacante de 17 anos é a principal esperança de gols do clube. Roque foi autor de dois gols na vitória sobre o Atlético-MG em pleno Mineirão, além de ter sido decisivo na Argentina, fazendo o gol que deu a classificação contra os Estudiantes. Pelo Furacão, foram quatro gols marcados e uma assistência até aqui.

Entre os jogadores indisponíveis para logo mais, estão Christian, Marlos, Marcelo Cirino, Julimar e Reinaldo, todos no departamento médico. Dos prováveis titulares, quatro estão pendurados com dois cartões amarelos: o goleiro Bento, o zagueiro Matheus Felipe, o lateral esquerdo Pedrinho, e o meia Vitor Bueno.

Provável escalação: Bento; Orejuela, Matheus Felipe, Nico e Pedrinho; Erick, Alex Santana e David Terans (Vitor Bueno); Vitinho, Rômulo e Vitor Roque.

  • Arbirtragem

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO)

Assistente 1: Bruno Raphael Pires (Fifa/GO)

Assistente 2: Cristhian Passos Sorence (GO)

VAR: Rodrigo D Alonso Ferreira (SC)

VAVEL Logo