Antes confirmada pelo Corinthians, empresário suspende contratação do zagueiro Pablo

Fernando César, empresário do jogador, anunciou em uma rede social que a negociação estaria suspensa por falta de recursos ou garantias no pagamento; diretoria do Corinthians não comentou o fato

Antes confirmada pelo Corinthians, empresário suspende contratação do zagueiro Pablo
Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Como diz o ditado: "uma verdade no futebol não dura 24 horas", e de fato, isso aconteceu na novela envolvendo a compra do zagueiro Pablo junto ao Bordeaux, da França. Há duas semanas o negócio era dado como certo entre as partes envolvidas, mas nessa terça-feira (1º), o empresário do atleta, Fernando César, publicou em uma rede social uma nota afirmando que a negociação com o Corinthians estaria suspensa "por falta de recursos ou garantias de pagamento". O impasse se deu por conta da forma de pagamento das luvas.

No dia 25 do mês passado, Corinthians e Bordeaux chegaram a um acordo para oficializar a venda de Pablo para o clube paulista. Além de R$ 4,4 milhões, o Timão abriria mão dos 15% dos direitos econômicos do atacante de 20 anos, Malcom, negociado com clube francês no final de 2015. 

Mesmo com o acerto entre os clubes, o Corinthians viu jogador e empresário voltarem atrás devido a maneira como seriam pagas luvas e comissões. O Timão tinham em mente pagar as luvas no decorrer do contrato do jogador - somando 52 parcelas - que iria até o fim de 2021. Pablo e seu agente são contra. 

Fernando César fez questão de glorificar a torcida corintiana e agradecer o empenho da direção Alvinegra em tentar acertar a contratação do defensor. Pablo que se recupera de um estiramento na coxa direita disputou 38 jogos e anotou dois gols. Seu contrato vigente segue até o dia 31 de dezembro deste ano. A direção do Corinthians não manifestou nenhum posicionamento diante dos fatos.

(Foto: Reprodução|Instagram)
(Foto: Reprodução|Instagram)

Leia a nota do empresário do jogador

"Apesar dos esforços de todos e do nosso empenho em ajustar os valores da transferência junto ao Bordeaux de forma a criar condições favoráveis ao SC CORINTHIANS. Apesar de já termos acertado prazo contratual, salários, luvas e comissões o SC CORINTHIANS PAULISTA não conseguiu os recursos ou dar garantias de pagamento para viabilizar a finalização do contrato conforme combinado. Diante disso, a compra do Pablo pelo Bordeaux está suspensa, devendo o atleta cumprir seu contrato de empréstimo até 31.12.2017, sempre com o profissionalismo e dedicação que o caracteriza e o levou a ser ídolo da maravilhosa fiel torcida. Agradecemos ao Presidente Roberto de Andrade, ao Diretor Flávio Adauto e ao Gerente de Futebol Alessandro por todo o empenho em concretizar a transferência definitiva do Pablo ao glorioso SC CORINTHIANS PAULISTA".


Share on Facebook