STJD arquiva pedido de anulação do clássico Fla-Flu

Procurador-geral do STJD solicitou o arquivamento do processo por falta de pressuposto legal

STJD arquiva pedido de anulação do clássico Fla-Flu
(Foto: Nelson Perez/Fluminense)

O STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) arquivou nesta quinta-feira (20) o pedido do Fluminense de anulação do clássico com o Flamengo. O Procurador-geral, Felipe Bevilacqua, considerou que a matéria jornalística utilizada pelo Tricolor não serve como prova.

Segundo Belivacqua, ''a prova de vídeo não possui valor já que houve a negativa do Inspetor de Arbitragem, assim também como a manifestação dos atletas em campo não podem ser consideradas intervenção externa justamente por serem participantes''. O advogado do Flamengo, Michel Asseff Filho, já havia pedido a anulação do julgamento.

Com isso, a CBF (Confederação Brasileira de Futebol) devolverá os três pontos da partida ao Flamengo, que venceu por 2 a 1. O time Rubro-negro volta aos 60 pontos. "Pelo exposto, este procurador-geral requer a RECONSIDERAÇÃO do Despacho Liminar que deferiu o Processamento da Presente Medida, com base no inciso III,  § 2º do artigo 84 do CBJD para ser determinado seu INDEFERIMENTO, em favor do campeonato"

Entenda o caso: 

O Fluminense solicitou a anulação do jogo na última segunda-feira (17), alegando interferência externa na decisão da arbitragem de anular o gol do zagueiro Henrique. No lance, o zagueiro fez um gol inicialmente validado pelo árbitro Sandro Meira Ricci, mesmo com o auxiliar ter, corretamente, marcado impedimento.  

A equipe do Flamengo passou a pressionar o bandeira, criando tumulto no meio do campo. Após 13 minutos, com a confirmação do inspetor da partida que o Henrique estava em impedimento, Meira Ricci voltou atrás de sua decisão e invalidou o gol de empate do Fluminense.