Protestos da torcida marcam outro jogo sem vitória do Internacional no Beira-Rio

Zagueiro Klaus mandou para o fundo das redes e garantiu ao menos o empate ao Internacional em mais uma rodada sem vitória em casa pela Série B

Protestos da torcida marcam outro jogo sem vitória do Internacional no Beira-Rio
(Foto: Divulgação / Internacional)
Internacional
1 1
Criciúma

Os mais de 25.000 torcedores no estádio Beira Rio nesta tarde assistiram a mais um empate colorado dentro de casa. Como mandante, o Internacional nunca perdeu para o Criciúma. Na história agora são 10 jogos com sete vitórias coloradas e três empates. Com um ponto cada, o Internacional agora ocupa o 6º lugar na tabela com 18 pontos e o Tigre, com 15 pontos, está em 12º lugar. O Internacional pode terminar a rodada em 8º lugar na tabela. O time colorado busca a vitória no seu próximo jogo, fora de casa, o Inter visita o Ceará, na Arena Castelão, na terça-feira (11) às 19h15. Já o Criciúma recebe o Paysandu no estádio Heriberto Hülse. 

Primeiro tempo com mais chances do Internacional, mas eficiência do Criciúma define

O Inter começou o jogo com uma bela chance nos pés de Nico López, que arriscou de bicicleta mas a bola acabou indo pra fora. Os primeiros cinco minutos da partida foram de boas chances desperdiçadas pelo time colorado, mas logo no primeiro ataque o tigre foi mais eficiente com gol de Lucão. Com uma bola alçada na área, Raphael Silva cabeceou na marcação a bola que sobrou e finaliza. Danilo espalma para o meio da área, e Jonatan Lima cabeceia fraco para Lucão. O atacante sozinho na entrada da pequena área faz o giro e manda à queima-roupa, sem chances para o goleiro colorado. Marcou o 5º gol dele nesta Série B do Campeonato Brasileiro.

Após o gol do time catarinense, novamente um momento de pressão do Inter que pressionou muito pelas laterais e com Nico López a frente, mas mais uma vez não conseguiu marcar contra o Criciúma. "Faltou a bola entrar. Finalizamos bastante. No segundo tempo tem que entrar" , falou Cláudio Winck, lateral colorado, após o primeiro tempo da partida, que terminou aos 47 minutos. O autor do gol do Tigre também falou após o fim da primeira etapa: "Tem que jogar o jogo. A equipe deles é qualificada. Primeiro segurar e depois matar o jogo quando surgir a oportunidade", disse o atacante do Criciúma.

Nos acréscimos, Inter arranca o empate e evita maior vexame

Logo no início da segunda etapa tivemos um lance bizarro. Lucão, autor do gol, após lance com Victor Cuesta teve que ser retirado na cama e foi derrubado do automóvel. Os jogadores colorados ficaram revoltados com a situação, alegando fingimento de Lucão, e foram protestar com os médicos. O goleiro Danilo Fernandes pegou a bolsa do médico e atirou para fora do campo. 

No seguir do jogo, o Internacional teve mais posse de bola e o Criciúma perdia todas as dividas e rebotes para o time colorado. O árbitro do jogo definiu cinco minutos de acréscimos na segunda etapa e aos 47, após pressão colorada, Klaus mandou para o fundo das redes e garantiu 1 ponto para o Internacional. Após cobrança de escanteio, Klaus apareceu na área e cabeceou para dentro do gol deixando o goleiro do Criciúma sem chance.Em 10 jogos pela equipe colorada,  o zagueiro marcou seu primeiro gol. Tigre teve ainda mais uma chance de empate mas Silvinho chutou pra fora.

Protestos da torcida mais uma vez marcam final de jogo no Beira Rio

O Internacional tem a 4ª pior campanha da Série B em casa e preocupa o seu torcedor, que reage com protestos violentos após as partidas. E desta vez não foi diferente. Mais uma vez um grupo de torcedores arremessou gradis, pedras e garrafas contra os seguranças privados do Beira Rio, tentando ingressar na zona mista e sala de coletivas do estádio. Durante o jogo, três bombas foram jogadas atrás da goleira que fica a frente da torcida organizada do Internacional. Os vidros da loja Inter Shop, que vende produtos oficiais do time, foram quebrados e manequins e produtos da vitrine foram furtados.

A torcida desta vez tinha até bombas, que arremessou bombas em direção a brigada militar que reagiu com bombas de efeito moral e spray de pimenta. Enquanto esperavam a coletiva do técnico Guto Ferreira, um torcedor tentava invadir a sala de imprensa. Com apenas 39% de aproveitamento o Internacional preocupa sua torcida. São 6 jogos no Beira Rio e apenas 1 vitória. Uendel após a partida soube reconhecer a cobrança do torcedor "A gente sabe que está bem aquém, precisamos aceitar as críticas e trabalhar" disse. Já William Pottker, disse que o torcedor precisa apoiar "A gente leva porrada no dia a dia e tem que acreditar no nosso potencial. Precisamos do apoio do nosso torcedor" , afirmou o atacante colorado.

O vice presidente de futebol do Internacional após a partida afirmou que não há desculpa para a sequência de más atuações da equipe colorada "Não tem desculpa. Hoje tivemos inúmeras chances de gol e deveríamos ter vencido. Não era o resultado que a gente queria, mas gostamos do rendimento do time." Após uma semana intensiva de treinamentos, Roberto Mello afirmou que acredita na melhora do time "Semana de treinamentos foi muito boa. Acredito que o rendimento irá continuar em evolução. Os resultados vão começar a vir; O rendimento melhorou, não tenho dúvidas disso" . Disse o vice-presidente de futebol colorado.

Questionado quanto a permanência do técnico Guto Ferreira, Roberto Mello afirmou que não trocará seu comandante "O Inter mudou de treinador aos montes em 2016 e vocês viram o resultado. Tenho convicção que os resultados virão. Guto é nosso treinador e continuará sendo." Guto Ferreira lembrou que mudanças não ocorrem facilmente "Uma evolução não acontece num estalar de dedos. As coisas levam um certo tempo. Vi uma evolução no time, mas ainda não é o que vejo como ideal. Tivemos um volume de jogo muito importante, roubamos bolas no campo de ataque." Afirmou o técnico que aproveitou para lembrar seu trajeto no Bahia, onde esteve na sua última passagem "A situação do Bahia era pior em 2016 nesse mesmo momento. Tenho certeza que vamos conseguir o objetivo". Disse.

Sport Club Internacional