Guto Ferreira não resiste à sequência sem vitórias e deixa cargo de treinador do Inter

Após empate em 1 a 1 com Vila Nova, Roberto Melo anunciou a saída; Com 33 jogos, comandante deixa equipe com cerca de 60% de aproveitamento; Odair Hellmann é quem assume até final da Série B

Guto Ferreira não resiste à sequência sem vitórias e deixa cargo de treinador do Inter
Guto Ferreira não é mais o treinador do Internacional (Foto: Ricardo Duarte / Internacional)

 Após empatar em 1 a 1 com o Vila Nova, nesse sábado (11), no estádio Beira Rio, o treinador não resistiu. O anúncio oficial foi feito em entrevista depois do término da partida, pelo vice-presidente de futebol do clube, Roberto Mello. Junto com o técnico, os auxiliares André Luís e Alexandre Faganello, e o preparador físico Juninho também foram demitidos. Assim como o desligamento, o cartola já anunciou quem ficará à beira do gramado  nos últimos três compromissos do Inter. O auxiliar-técnico do clube, Odair Hellmann é quem fecha a temporada no alambrado.

O comandante deixa o Internacional na vice-liderança, com 60 pontos. Além de somar 18 vitórias, nove empates e seis derrotas, com um aproveitamento de 60,6%. Mesmo com bons números, a queda do treinador já vem se desenhando a alguns jogos. Mesmo com uma sequência de oito vitórias dentro do estádio Beira Rio (série que foi quebrada pelo Ceará a três jogos), os torcedores já vinham pedindo a demissão do treinador.

Apesar das 18 vitórias, os vermelhos não vinham tendo bom desempenho com o treinador. Muitas vezes vencia, mas não convencia. Em outras oportunidades, o time da capital gaúcha abria o marcador, mas acabava cedendo o empate para o adversário, como aconteceu na despedida do treinador, diante do Vila Nova, na tarde deste sábado (11).

Odair Hellmann e mais uma aparição no comando do Inter

Esta não é a primeira vez que o catarinense de 40 anos assume o comando do time do Inter. Em outras duas oportunidades, Odair esteve à frente do grupo profissional do Colorado, em situações opostas. A primeira, o auxiliar assumiu após a demissão do uruguaio, Diego Aguirre, em 2015. Nesta, o técnico viu do alambrado seu time ser goleado no histórico “Grenal dos 5 a 0”, na Arena do Grêmio. Após, vendeu o Fluminense por 1 a 0, no Rio de Janeiro. Logo após, Argel Fucks fora anunciado o novo comandante do clube.

Na segunda vez, o auxiliar do clube teve mais sorte. Após ser chamado às pressas quando estava em serviço pela Seleção Brasileira sub-20, Odair substituiu Antônio Carlos Zago, demitido em maio deste ano (2017). Diferente da primeira passagem na casa-mata, Odair teve apenas uma chance.

Diante do Palmeiras, pelas oitavas de final da Copa do Brasil 2017, venceu os paulistas por 2 a 1, em um dos jogos que é considerados pelos torcedores do Inter, o melhor desempenho dessa temporada. Mesmo com a vitória, o Colorado acabou eliminado nos critérios de desempate, pois havia perdido o primeiro jogo em São Paulo por 1 a 0.

Um dia após a partida, Guto Ferreira era anunciado como técnico do Internacional. Assim, Odair voltava à seu cargo de auxiliar, mas agora retorna para repor o Inter matematicamente na Série A.