Apesar da eliminação, Zé Ricardo elogia a equipe e garante: "Foco sempre foi a Libertadores"

Treinador vascaíno avalia positivamente a atuação do time diante do Volta Redonda, foca na Libertadores e minimiza eliminação na Taça Guanabara

Apesar da eliminação, Zé Ricardo elogia a equipe e garante: "Foco sempre foi a Libertadores"
Fonte: Paulo Fernandes / Vasco.com.br

Mesmo ganhando do Volta Redonda por 3x1, a classificação vascaína foi interrompida pelo triunfo do Bangu, diante da Cabofriense. Já na coletiva, o técnico cruzmaltino comentou sobre a importância da vitória, elogiou a atuação do time e destacou o principal objetivo do Vasco: a partida de volta contra o Universidad Concepción, nesta quarta-feira em São Januário

Com a eliminação na Taça Guanabara, Zé Ricardo mandou um recado a torcida vascaína e avaliou a atuação contra o Voltaço de forma positiva: "Peço paciência para a torcida, temos muitos atletas estreando. Primeiro tempo mostramos um nível muito bom, no segundo tivemos uma queda natural. De forma geral, controlamos bem a partida". Perguntado sobre Thiago Galhardo, que marcou seu primeiro gol com o Vasco, o treinador elogiou: "Fez bela partida, mas tem muita coisa ainda para acontecer. É um meia que a gente conta, porque vem treinando bem, sabe se movimentar nas costas dos marcadores, inteligente. A gente acredita que possa evoluir".

Fonte: Paulo Fernandes / Vasco.com.br

Minimizando a eliminação, Zé foi sucinto: "Queríamos estar classificados para as semifinais, mas a ideia de a gente dar esse foco na Libertadores segue viva. Agora é virar nosso foco todo para a partida de quarta, seguir o planejamento. Essa sempre foi nossa ideia (dar equilíbrio ao elenco), mesmo com grupo não muito grande. Conseguimos dar um nível constante para a nossa equipe. Temos atletas para cumprir bem em todas as posições. O foco sempre foi a Libertadores". 

Em relação ao jogo contra o Concepción, o treinador destacou a importância da torcida e frisou: "Aqui em São Januário somos muito mais fortes. Nossa torcida vai empurrar do início ao fim, acho super importante. Se andarmos longe na Libertadores, vamos precisar da torcida." 

Com a Libertadores como o centro das atenções, o Gigante da Colina recebe o time chileno nesta quarta (7), em São Januário. Com uma ampla vantagem construída no jogo de ida, a classificação vascaína para a próxima fase é, praticamente, certa.