Circuito de Rua de Roma é eleito o melhor da Fórmula E pelos pilotos
Foto: Fórmula E

O site The Race realizou uma votação com dez pilotos da Fórmula E para eleger o melhor circuito da categoria de carros elétricos. E o grande vencedor foi o circuito de rua de Roma, que tem como cenário o Obelisco de Marconi e o Palazzo dei Congressi, o qual sediou os Jogos Olímpicos de 1960.

Os dez pilotos que participaram da votação foram: Lucas di Grassi, Sébastien Buemi, Sam Bird, Jérôme D’Ambrosio, Oliver Turvey, Nicolas Prost, Robin Frijns, Felix Rosenqvist, Alex Lynn e Alexander Sims. Cada piloto escolheu seus cinco circuitos prediletos, e apenas dois deles não colocaram Roma na lista (Prost e Turvey).

Três pilotos elegeram Roma como a melhor pista da categoria. Para o belga Jérôme D’Ambrosio, que atualmente corre pela Mahindra Racing, a combinação entre alta e baixa velocidade do circuito de rua italiano é o grande desafio.

“Eu amo essa pista. Ótima combinação de alta velocidade, baixa velocidade, é um local onde você precisa ser técnico, você precisa ir um pouco mais além. Obviamente a cidade é incrível. Roma é uma das cidades mais bonitas do mundo, eu simplesmente amo esse lugar.”

Buemi também elegeu a pista de Roma como a melhor da Fórmula E e explicou sua escolha: “O comprimento da pista é muito bom, porque às vezes vamos a pistas menores em locais incríveis como Paris ou Hong Kong, que são curtas demais para mim. O fato de descer a ladeira e voltar é legal, e a pista também é bastante ampla em alguns lugares para um circuito de rua, e oferece oportunidades de ultrapassagem.”

Outro que elegeu Roma como a melhor pista da Fórmula E foi o sueco Félix Rosenqvist, que disputou duas temporadas pela Mahindra e hoje corre na Fórmula Indy: “Eu acho que Roma é a melhor porque a pista tem tudo. Elevação, curvas fechadas, curvas super-rápidas, uma chicane, enfim, tem de tudo.”

Confira como ficou a votação entre os dez pilotos:
1º Roma (Itália)
2º Punta Del Este (Uruguai)
3º Montreal (Canadá)
4º Buenos Aires (Argentina)
5º Paris (França) e Diriyah (Arabia Saudita)

*o The Race usou como base a pontuação de 5-4-3-2-1 para os cinco circuitos preferidos dos pilotos, e ao final, Roma foi definido como o melhor circuito.

Para o brasileiro Lucas di Grassi, que disputou todos os 63 eprix da história da Fórmula E, Buenos Aires é o melhor circuito da categoria: “Buenos Aires realmente foi agradável para uma corrida. Obviamente, estava no meu continente e a pista em si estava muito bem montada com um traçado.”

“Era de alta velocidade com curvas longas e também surpreendentemente ampla, de modo que ultrapassar não era um grande problema. Foi um desafio, agradável de dirigir e também no centro da cidade, com um parque nas proximidades. Sinto falta de correr lá.”

Vale lembrar que o ePrix de Roma foi um dos eventos cancelados da sexta temporada da Fórmula E por causa da pandemia de coronavírus. Por enquanto, a competição está suspensa por dois meses e deve retornar em junho, com o ePrix de Berlim.

VAVEL Logo