Marcelo Melo vence, avança às semis em Viena e assume liderança do ranking de duplas da ATP


Nesta sexta-feira (23), o brasileiro Marcelo Melo, jogando ao lado do polonês Lukasz Kubot, venceu Horia Tecau da Romênia e Jean-Julien Rojer da Holanda por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/4, em 1 hora e 25 minutos de jogo. Com a vitória, o tenista do Brasil avançou à fase semifinal do ATP 500 de Viena, na Áustria, e mais do que isso, se tornou o número um do mundo no ranking de duplas da ATP.


A última vez que um brasileiro liderou o ranking da ATP foi o catarinense Gustavo Kuerten, o "Guga", no dia 18 de novembro de 2001 e agora, 14 anos depois, Melo liderará o ranking de duplas no dia 2 do próximo mês. 

Os próximos adversários do mineiro serão o vencedor da partida entre os cabeça de chave número três da competição, Nenad Zimonic da Sérvia e Marcin Matkowski da Polônia, e o espanhol David Marrero e o italiano Andreas Seppi, que venceram na estreia Dominic Thiem da Áustria e o espanhol Guillermo Garcia Lopez e David Ferrer da Espanha e seu compatriota Marc Lopez, respectivamente.


Com a vitória, Melo soma 180 pontos no ranking de duplas e ultrapassará os irmãos gêmeos Bob e Mike Bryan que encontram-se na liderança, visto que Mike, ao lado do compariota Steve Johnson, perdeu na primeira rodada da competição para o escocês Jamie Murray e o australiano John Peers por dois sets a zero, com parciais de 7/6 e 6/3.

Atualmente os irmãos Bryan lideram com 8490 pontos cada, porém perderão 1000 pontos na próxima semana devido ao título do Masters 1000 de Paris, desse modo, mesmo que eles vençam o ATP 500 da Basileia, Melo ainda pode somar pontos no ATP 250 de Valencia, assim os norte americanos passariam a ter 7990 pontos no dia 2 de novembro, enquanto o brasileiro, 8070. 

Melo vinha de títulos do ATP 500 de Tóquio, no Japão, e do Masters 1000 de Xangai, na China, ambos ao lado do sul africano Raven Klaasen. Assim, chegou ao 17º título na carreira, nesta temporada já havia conquistado os títulos do ATP 500 de Acapulco, no México, e o segundo Grand Slam do ano, Roland Garros, ao lado de seu habitual parceiro Ivan Dodig da Croácia.

Você acompanha o melhor do tênis mundial na VAVEL Brasil.

VAVEL Logo