Resultado Rafael Nadal x David Ferrer no ATP Finals 2015
Live LoaderVAVEL Live SmallLive Match

Com exceção à Copa Davis, chegamos ao último compromisso do circuito internacional onde apenas os gigantes têm condições de alcançar. Entre os dias 15 e 22 de novembro, os oito melhores tenistas da temporada se enfrentam no ATP World Tour Finals para definir quem ficará com a glória final.

Considerado o quinto evento de maior prestígio do circuito, atrás apenas dos quatro torneios de Grand Slam, a extinta Tennis Master Cup dá lugar ao ATP World Tour Finals. Entre os oito melhores rankeados da temporada 2015, apenas dois tiveram a honra de levantar o cobiçado troféu: Novak Djokovic, atual número 1 do mundo e Roger Federer, maior campeão do torneio com seis conquistas.

O regulamento é simples. Ao contrário dos outros torneios da temporada, o ATP World Tour Finals não é eliminação direta. Os oito tenistas são divididos em dois grupos de quatro, e cada um joga contra os outros três de seu grupo. Então, os dois melhores avançam para as semifinais, e os vencedores encontram-se na final para determinar o campeão.

A quadra está montada. Os melhores entre os melhores estão presentes. Novak Djokovic, Andy Murray, Roger Federer, Stan Wawrinka, Rafael Nadal, Tomas Berdych, David Ferrer e Kei Nishikori são os desafiantes. Nas duplas, Marcelo Melo é o representante brasileiro e defensor do posto de número 1 do mundo.

#05: Rafael Nadal, evoluindo e voltando à boa forma

Rafael Nadal viveu dois períodos distintos nas duas metades da temporada. Na primeira, a decadência e perda de confiança. Irreconhecível, 'El Toro Miúra' era desbancado por adversários que sequer teriam chances em condições normais. Na segunda, sua época de recuperação e retorno ao topo. Resultados melhores e mudanças em seu estilo de jogo. O ATP World Tour Finals é o único grande título que o espanhol ainda não conquistou, e pode ser responsável pela reafirmação do ex-número 1 do mundo.

Títulos na temporada: ATP 250 de Buenos Aires, ATP 250 de Stuttgart, ATP 500 de Hamburgo.

Rafael Nadal viveu sua fase de recuperação na segunda metade da temporada (Foto: ATP World Tour)

Rafael Nadal viveu sua fase de recuperação na segunda metade da temporada (Foto: ATP World Tour)

#07: David Ferrer, a Espanha está bem representada

Se falamos de regularidade, não podemos esquecer de David Ferrer. Aos 33 anos, segue figurando o top 10, conquistando títulos e se classificando para o ATP World Tour Finals. Mas 2015 foi um ano especial. Aproveitando a péssima fase de Rafael Nadal, pôde assumir o posto de tenista número 1 da Espanha por várias semanas durante a temporada. Apesar de sua especialidade ser o saibro, está pronto para mostrar na quadra dura a mesma categoria que apresentou nos anos anteriores.

Títulos na temporada: ATP 250 de Doha, ATP 500 do Rio, ATP 500 de Acapulco, ATP 250 da Malásia, ATP 500 de Viena.

Ferrer foi o número 1 da Espanha por boa parte da temporada (Foto: ATP World Tour)

Ferrer foi o número 1 da Espanha por boa parte da temporada (Foto: ATP World Tour)

VAVEL Logo