Tsitsipas confirma favoritismo e vence Munar na estreia do Next Gen ATP Finals 
Foto: Divulgação / ATP 

Na manhã desta terça-feira (6), o grego #15 Stefanos Tsitsipas e o espanhol #76 Jaume Munar deram o pontapé inicial no Next Gen ATP Finals, torneio que reúne os oito melhores tenistas até 21 anos, em Milão. No jogo de estreia, melhor para Tsitsipas, que em uma partida equilibrada venceu por 3 sets a 1, parciais de 4/3(5), 4/3(3), 3/4(4) e 4/2, em 1h52.

Com o resultado, o grego desponta no Grupo A, que ainda conta com o norte-americano #40 Frances Tiafoe e o polonês #85 Hubert Hurkacz, que se enfrentam ainda nesta terça-feira (6). 

Lembrando que a competição terá jogos disputados em uma melhor de cinco sets e também possui algumas regras diferentes, como sets curtos (o primeiro jogador a marcar quatro games vence, caso a parcial esteja empatada em 3/3, será disputado um tie break) e a ausência do sistema de vantagem - no 40-40, quem ganhar o próximo ponto leva o game - e da ausência do 'let' - saques que baterem na rede e forem dentro continuam valendo.

Com sets curtos, qualquer quebra de saque poderia definir tudo. Porém, o que se viu no confronto entre os tenistas foi um grande equilíbrio. Em um jogo com muitas trocas de bola, ambos sacavam com firmeza e não davam chances para o adversário. A primeira parcial foi ser decidida no tie break, onde Tsitsipas conseguiu uma mini quebra crucial e fechou em 4/3 (7-5). 

O panorama se manteve no segundo set, tendo o mesmo desfecho do primeiro. Depois de uma parcial bem equiparada em todos os games, os jogadores foram para o tie break. Dessa vez, o grego dominou amplamente desde os primeiros pontos. Obtendo uma vantagem confortável desde o início, Tsitsipas jogou com precisão e fechou em 4/3 (7-3), abrindo 2 a 0 no duelo. 

Apesar de estar em uma situação desconfortável na partida, Munar não se abateu e manteve o tênis sólido dos sets anteriores. Não se dando por vencido, o espanhol foi recompensado. Em mais uma decisão no tie break, o pupilo de Rafael Nadal se impôs, conseguiu ganhar pontos importantes no saque do grego e, com uma devolução agressiva, fechou em 4/3 (7-4), mantendo-se vivo no confronto. 

Assim como nos anteriores, o quarto set parecia se encaminhar para o game desempate. Entretanto, no sexto game, Tsitsipas elevou o nível e chegou a quatro match points no serviço do espanhol. Munar salvou três deles, mas cometeu um erro de smash inacreditável no ponto que valia o game. Com isso, o grego selou a vitória por 4/2.  

VAVEL Logo