Em partida dramática de quase quatro horas, Siniakova bate Kenin e República Tcheca vence Fed Cup
Foto: Divulgação/WTA

Neste domingo (11), a ​República Tcheca​, segunda maior campeã da competição, garantiu seu 11º título da Fed Cup em duelo dramático. Número um do mundo em duplas, e 31 em simples, ​Katerina Siniakova, 22 anos, venceu a jovem #52 Sofia Kenin, 19, em jogo absolutamente dramático em Praga. Siniakova fechou a partida em dois sets a um, parciais de 7/5, 5/7 e 7/5, em 3h44, fechando o confronto contra o time dos Estados Unidos, atual e maior campeão da competição com 18 títulos, por 3 a 0. A tcheca chegou a salvar dois match points durante o jogo.

Siniakova começou a partida como favorita por dois grandes motivos: se a dona da casa e não ter tanta pressão para a vitória, já que a República Tcheca vinha com grande vantagem do primeiro dia. Com o início da partida, a tcheca logo abriu vantagem, que foi imediatamente remediada por Kenin.

Siniakova, no auge de suas emoções, deixou claro para todos os que a assistiriam que não estava satisfeita com o próprio jogo ao jogar a raquete no chão e gritar a cada partida de bola. Com excelentes pontos vindos de ambas as partes, a parcial acabou ficando por conta da tcheca, que precisou sair muito a camisa para neutralizar a incansável adversária americana, que parecia sempre estar pronta para o comeback. Em 1h06, a dona da casa levou a primeira parcial por 7/5.

Siniakova batalhou para garantir mais um título ao seu país (Foto: Divulgação/WTA)
Siniakova batalhou para garantir mais um título ao seu país (Foto: Divulgação/WTA)

No set a tcheca fez oito winners e cometeu 14 erros contra sete winners e 24 erros da adversária. No quesito serviço, Siniakova marcou quatro aces e cometeu duas dupla faltas. Kenin zerou em aces e cometeu também duas dupla faltas.

Na segunda parcial,a estreante Kenin mostrou que Fed Cup é coisa séria. A americana começou a parcial atrás, mas logo mostrou as garras, empatou e virou, deixando o público boquiaberto com a proeza. Após sair vencendo por 3/0 e ter 40-15 para ampliar ainda mais sua vantagem, Siniakova passou a errar muito e deu chances a rival. A estadunidense precisou de 1h07 para fechar a segunda parcial em 5/7, normalizando assim o placar e dando uma esperança extra para os Estados Unidos.

Kenin batalhou muito em sua primeira participação na Fed Cup (Foto: Divulgação/WTA)
Kenin batalhou muito em sua primeira participação na Fed Cup (Foto: Divulgação/WTA)

Não houveram aces na parcial e cada uma das jogadoras cometeu uma dupla falta. Kenin saiu na frente no quesito winners: 14 contra oito de Siniakova. Em erros, a americana cometeu 17, a tcheca fechou com 15.

Na terceira e última parcial, um retrato perfeito de toda a partida: altos e baixos, fortes emoções e público exaltado. Siniakova voltou a sair na frente, fazendo 4/1, mas Kenin, que levou alguns minutos em assistência médica, logo normalizou o placar. Em game emocionante de 20 minutos, a torcida foi a loucura e as jogadoras certamente sentiram o peso fisicamente.

Kenin virou a partida para 5/4 e chegou a servir para o jogo e ter dois match points, mas a americana não soube aproveitar a grande chance, Siniakova quebrou o seu serviço e, em pouco tempo serviu para a partida. Três match points depois, o 11º título da República Tcheca veio em uma final emocionante.

Ao todo, Siniakova marcou 21 winners e cometeu 44 erros não-forçados, enquanto Kenin marcou 41 bolas vencedoras e cometeu 69 erros não-forçados. A tcheca marcou cinco aces e cometeu quatro dupla faltas, enquanto a estadunidense zerou em aces e cometeu cinco dupla faltas.

VAVEL Logo