Sesi vence Minas fora de casa e abre 2 a 0 nos playoffs da Superliga
Foto: Orlando Bento/MTC

Depois de vencer o primeiro jogo em casa, o Sesi-SP esteve em Belo Horizonte/MG nesta quarta-feira (22) e conseguiu a segunda vitória sobre o Minas Tênis Clube, abrindo a vantagem de 2 jogos a 0 na série melhor de cinco pelas quartas de final da Superliga masculina de vôlei 2016/2017. O time paulista venceu por 3 sets a 1, com parciais de 29/27, 19/25, 25/21 e 25/18, em 1h59 de partida disputada na Arena Minas.

Oposto do Sesi-SP, Théo foi um dos grandes destaques da partida. Com atuação decisiva, o jogador foi o mais votado no site da CBV (Confederação Brasileira de Voleibol) e saiu de quadra com o Troféu VivaVôlei, programa de responsabilidade social da CBV que atende crianças de 7 a 14 anos por meio de escolinhas de vôlei.

O terceiro duelo entre Sesi-SP e Minas será no domingo (26), às 16h, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo/SP. Em caso de uma vitória, o time paulista estará classificado para as semifinais da Superliga masculina.

O jogo

O Sesi-SP começou melhor e no bloqueio de Riad abriu 3/1. O Minas Tênis Clube buscou e deixou tudo igual em 3/3. As equipes seguiram trocando pontos e empataram novamente em 7/7. No bloqueio simples de Felipe, o time da casa fez 8/7. Com ponto de saque de Bruninho, foi a vez do time paulista fazer 9/8. Alan conseguiu ponto direto de saque e levou o Sesi-SP a dois de vantagem: 12/10. Nery Tambeiro pediu tempo. No bloqueio de Flávio, o Minas empatou em 12/12. Em mais um bloqueio do central, a equipe da casa assumiu o comando do marcador: 14/13. Em um grande saque de Théo, o grupo visitante voltou a comandar o jogo em 16/15. Bem no bloqueio, o Minas chegou a mais um empate em 18/18. O equilíbrio seguiu e mais um empate em 22/22. Felipe fez 25/24 para o Minas e Pacheco pediu tempo. Na volta, Théo pontuou. No bloqueio de Théo, o time paulista fez 28/27. No erro do adversário, o Sesi-SP fechou em 29/27.

O Minas Tênis Clube começou pontuando melhor e fez 4/2. O Sesi-SP buscou e deixou tudo igual em 5/5. No bloqueio de Pétrus, a equipe da casa abriu boa vantagem em 8/5. Pacheco pediu tempo para conversar com seus jogadores. Na volta, Lucão pontuou. Em mais um bloqueio, o grupo mineiro marcou 11/6. O Minas ainda fez 14/9. Kaio entrou pontuando bem e o Sesi-SP reduziu a desvantagem para 13/16. Felipe marcou e o Minas voltou a abrir três de vantagem: 19/15. Na sequência, a equipe da casa passou a contar com erros do adversário e abriu 21/16. O Sesi-SP pediu tempo. No erro do time paulista, o Minas fechou em 25/19.

Mais um início equilibrado, com o empate em 5/5. Com Riad, o Sesi-SP abriu dois pontos em 8/6. No bloqueio de Flávio, o Minas encostou em 10/11. O time paulista voltou a abrir em 13/11. Com Théo pontuando bem, o Sesi-SP ainda chegou a 15/11, forçando Nery Tambeiro a pedir tempo. Na bola de segunda de Bruno, explorando o bloqueio adversário, o Sesi-SP chegou a 16/12. Com Riad, a equipe visitante marcou 21/17. E, no bloqueio de Bruninho, 22/17. O Minas reagiu, conseguiu pontuar mais, chegou a 19/22 e foi a vez de Marcos Pacheco parar o jogo com pedido de tempo. Na volta, Pétrus bloqueou e fez 20/22. No erro do time mineiro, o Sesi-SP fechou em 25/21.

O bloqueio de Murilo abriu 3/1 para o Sesi-SP logo no começo do terceiro set. O Minas buscou e deixou tudo igual em 3/3. Com o bloqueio funcionando melhor do que nos sets anteriores, o time de São Paulo abriu vantagem em 10/6. Nery Tambeiro pediu tempo. O Sesi-SP teve cinco pontos a frente em 12/7. Com dois pontos seguidos do Minas, o placar foi para 9/12. Os comandados de Marcos Pacheco voltaram a pontuar e no saque curto de Bruninho, 14/9. O marcador esteve a favor do Sesi-SP em 17/13. A diferença seguiu em quatro a favor do time paulista (20/16). No bloqueio de Lucão, o jogo terminou com a parcial de 25/18 no quarto set.

VAVEL Logo