Sada Cruzeiro sofre apagão, mas vence FIAT/Minas pela Superliga Masculina
Foto: Reprodução/Sada Cruzeiro

Fim de semana e uma combinação perfeita para clássico. Neste domingo (5), o Sada Cruzeiro derrotou o FIAT/ Minas por 3 sets a 1 (25/22, 16/25, 25/20 e 25/20), no Riachão, em partida atrasada pela sexta rodada da Superliga Masculina.

Com o triunfo, a Raposa passa Taubaté e assume liderança da competição. Enquanto os minastenistas permanecem em sétimo.

O ponteiro Hugo saiu do banco, deu ritmo ao time celeste. No final, foi coroado com o troféu VivaVôlei.

Foto: Reprodução/Sada Cruzeiro  

O jogo

Sendo empurrado pela torcida cinco estrelas, o Cruzeiro colocou o Minas para rodar. A equipe visitante não se incomodou. Matheus deixou Evandro no toco e buscou o empate (9/9). Após rally, Rodrigo aproveitou a falta de posicionamento, colocou a redonda no fundo da quadra, deixando o time da Rua da Bahia na dianteira do placar:13/14. Precisando colocar ordem na casa, Marcelo Mendez realizou a inversão 5-1. A Raposa se reencontrou e decretou fim de set. 25/22.

O início da segunda etapa foi disputado. Como uma flecha certeira em busca do alvo, os minastenistas abriram quatro pontos de vantagem. Conseguindo equilibrar defesa e ataque, o Minas administrou até fechar em 16/25.

Diferentemente da etapa anterior, o time celeste entrou ligado. O ponteiro Hugo entrou durante a partida, sendo peça chave para o volume dos mandantes. Em bloqueio de Otávio, o Cruzeiro fez 16/10. Cachopa chamou o central, cravou a bola no chão: 25/20.

Último set começou com alguns erros de cada lado. Tendo Otávio inspirado, o central subiu com um pé e de segunda marcou 6/4. Tendo o passe na mão, Cachopa aproveitou na distribuição. Em boa defesa de Isac, o levantador estrelado acionou Hugo, que soltou o braço (15/10). Felipe Roque tentou buscar a diagonal, mas ficou no bloqueio duplo, 21/17.  Com mais um erro de ataque minastenistas, Raposa conquistou a vitória. 25/20.

VAVEL Logo