Ponteiro campeão Estadual com o Sesc-RJ afirma: “Na final é tudo ou nada”

Camisa 9 Juninho foi uma peça importante no jogo diante o Botafogo, jogador foi responsável pela mudança de ritmo que conduziu a vitória o time do Rio de Janeiro

Ponteiro campeão Estadual com o Sesc-RJ afirma: “Na final é tudo ou nada”
Camisa 9 do Sesc-RJ, Juninho (Divulgação/Sesc-RJ)

É hora de apresentação, o carioca conhece aos poucos o novo time de vôlei que irá representá-los nesta temporada. O Sesc-RJ é o início de um trabalho de incentivo ao esporte. Na primeira temporada, já conseguiu a classificação para Superliga B após vencer a Taça de Prata e nesse sábado faturou o título de campeão Estadual.

No ginásio do Hebraica, diante de um bom número de torcedores que apoiava. O Sesc-RJ venceu por 3 sets a 1 o time do Botafogo. O ponteiro Juninho explicou como toda final se torna mágica.

“Primeiro que é final, é um jogo completamente diferente de jogo de campeonato. No campeonato você vai construindo a pontuação, na final é tudo ou nada. O Botafogo veio com esse pensamento, a gente já sabia que ia sofrer uma pressão deles e é normal. Eles mereceram o set que ganharam, apesar da gente ter jogado muito abaixo, eles jogaram bem ritmado, isso é difícil depois que se consegue abrir uma certa vantagem. Foi o que aconteceu com a gente no primeiro set, com a sequência de aces de PV (oposto Paulo Victor) e os bloqueios, a gente abriu muito com nosso ritmo, é difícil de voltar”.

O primeiro set foi totalmente controlado pelo time do técnico Giovane Gávio, no entanto, a partir da segunda parcial, o jogo mudou. A final ficou mais acirrada e foi preciso modificar a postura dentro de quadra.

“A gente teve a inteligência de diminuir o número de erros, mas eles continuaram forçando. Começamos o segundo set muito mal, com erros infantis para nossa categoria e isso mexeu bastante com a confiança da equipe, principalmente a minha, foi um set que eu cai muito de rendimento. Mas, eu tive a maturidade e tranquilidade de voltar para os outros sets, a derrota do set para a gente se apaga com a vitória do campeonato. Porém,  é uma coisa para se trabalhar no próximo campeonato que é muito importante que é o acesso à Superliga A”, o camisa 9 analisou a alteração do parâmetro naquele momento crucial do jogo.

Após o título Estadual, a equipe do Sesc-RJ vira seu foco para disputa da Superliga B. A principal competição da temporada para o time do Rio de Janeiro. O jogador Juninho foi categórico e afirmou “Temos que melhorar tudo! Temos que ser perfeitos na Superliga B”.