Taubaté derrota Minas e se aproxima do líder Sada Cruzeiro na Superliga

Equipe do Vale da Paraíba fechou o jogo em 3 sets a 0 e assumiu a vice liderança do torneio nacional

Taubaté derrota Minas e se aproxima do líder Sada Cruzeiro na Superliga
Foto: Rafinha Oliveira/EMS Taubaté Funvic
Taubaté
3 0
Minas

Em partida válida pela sexta rodada da Superliga Masculina 2017/18, o Taubaté superou o Minas por 3 sets a 0 (25/21, 25/20 e 25/22), na noite do último sábado (11), no ginásio Abaeté, em Taubaté SP. A equipe dirigida pelo argentino Daniel Castellani garantiu a sexta vitória em sete jogos na competição. 

Com o resultado, o Taubaté assumiu a segunda colocação, com 17 pontos, encostando no líder Sada Cruzeiro, que tem 21. Já o Minas soma apenas 13 pontos e está em quarto lugar na tabela de classificação. 

Na próxima rodada, a equipe do Vale do Paraíba vai enfrentar o Montes Claros Vôlei (MG), no domingo (19), às 15h. Já o Minas Tênis Clube jogará em casa, no mesmo dia, às 18h, contra o rival mineiro, Sada Cruzeiro

Resumo da partida 

Logo no início do primeiro set, o Minas conseguiu abrir boa vantagem, fazendo 7 a 3, obrigando Nery Tambeiro a pedir um tempo. A paralisação surtiu efeito, e o Minas passou a ter maior volume de jogo, encostando no placar. No entanto, a equipe do Vale da Paraíba, com o apoio de sua torcida, manteve-se à frente do placar em todo o período, e no momento de decisão, soube definir os ataques, fechando a parcial em 25 a 21, com ponto de Otávio. 

O segundo set começou diferente, com o Minas largando em vantagem. Entretanto, logo os donos de casa reagiram e empataram. O set seguia bem equilibrado, com as equipes brigando ponto a ponto. A partir da metade do set, em ace de Rapha, o Taubaté abriu 19 a 15. Os mineiros ainda esboçaram certa reação, mas a equipe da casa administrou o resultado e fechou em 25 a 20.

Embalado com as vitórias nos set anteriores, o Taubaté começou melhor e saiu na frente. Mas a equipe mineira reagiu e o equilíbrio tomou conta do jogo. Os times novamente brigavam ponto a ponto, até a equipe do Vale da Paraíba voltar a ter boa sequência de bloqueios e ataques e abrir uma nova dianteira. Em vantagem, a equipe do Taubaté só administrou, fechando a parcial em 25 a 22.