Prandelli comemora resultado mas alerta Balotelli: "Precisa parar de fazer exibicionismo"
Após a vitória, Prandelli elogiou seu time dentro de campo (Foto: Gazzeta)

A Itália venceu. E convenceu. Pelo menos essa foi a visão de Cesare Prandelli após a vitória da Azzurra sobre o México neste domingo (16) no Maracanã. Em entrevista a RAI após o término da partida, o técnico da seleção italiana elogiou a postura do time durante a partida, que segurou o nervosismo da estreia.

"A emoção estava lá antes do jogo. Durante o jogo estávamos concentrados, queríamos ganhar e conseguimos isso com um excelente futebol. Estamos muito felizes", disse Prandelli, que completou elogiando o preparo físico de seus jogadores. "Estivemos bem fisicamente apenas de estarmos no final da temporada europeia. Quando você se prepara para jogos e tem as pernas, não digo que torna-se fácil, mas você sabe o que fazer. Hoje nós sabíamos exatamente o que fazer", afirmou.

Questionado sobre Mario Balotelli, autor do gol que deu os três pontos ao seu time, Prandelli foi simples e rápido, demonstrando desaprovação com a atitude do atacante em tirar a camisa após botar a bola no fundo das redes. "Sobre Mario (Balotelli), ele tem que parar de se exibir com seus músculos, pois cartões amarelos contam", cornetou o treinador que completou a entrevista elogiando o meia Andrea Pirlo, que marcou um lindo gol de falta em seu 100º jogo com a camisa da seleção italiana. "Não há mais palavras para Andrea (Pirlo), apenas um enorme abraço e uma salva de palmas."

Pirlo, aliás, comentou a sensação de ter completado 100 jogos no Maracanã. "É uma sensação maravilhosa, é claro. Chegar ao centésimo jogo, ainda mais no Maracanã, é uma coisa fantástica", declarou o meia após receber o prêmio de melhor jogador da partida.

Com a vitória, a Itália ficou na segunda colocação do grupo A com o mesmo número de pontos do Brasil, mas com saldo a menos (3 contra 1). Na próxima rodada, a Azzurra pega o Japão na Arena Pernambuco.

VAVEL Logo