Fora de casa, Lyon tem trabalho e vence Valenciennes por 2 a 1

O Lyon conseguiu uma importante vitória de 2 a 1 sobre o Valenciennes, fora de casa, em confronto válido pela 32ª rodada da Ligue 1. Com a vitória, os Gones diminuíram para quatro pontos a diferença que tinham para o Saint-Étienne e estão na briga pela vaga na Europa League. O Valenciennes, lutando contra o rebaixamento, vê a sua missão de fugir da zona de rebaixamento se complicar. A equipe é a primeira dos três clubes que estão caindo para a Ligue 2 e ocupa o 18º lugar com 29 pontos, seis a menos que o Évian, primeiro clube fora da zona.

O VA teve uma boa notícia para o confronto frente ao Lyon e todo o elenco estava à disposição do treinador Ariël Jacobs. O atacante Majeed Waris se recuperou de dores na coxa, que o afastaram da partida contra o Montpellier na rodada passada, e voltou a ser relacionado. O ganês desembarcou em janeiro na França, vindo do Spartak de Moscou e já é o artilheiro da equipe com oito gols em onze jogos.

O Lyon foi bastante desfalcado para a partida. O lateral Mouhamadou Dabo, o volante Gueïda Fofana e os meias Yoann Gourcuff e Clément Grenier estão afastados por lesão. Por outro lado, o zagueiro sérvio Milan Bisevac se recuperou e foi convocado por Rémi Garde.

Na próxima rodada, o Valenciennes enfrentará o Lille na casa do adversário,  no sábado (12), ao meio-dia, horário de Brasília. O Lyon, no dia seguinte (13), receberá o líder Paris Saint-Germain no Gerland. Antes, na quinta (10), os Gones terão o jogo de volta das quartas-de-final da Europa League contra a Juventus na Itália.

Melhor na primeira etapa, Lyon é recompensado

Com o início do jogo, o Lyon aos poucos foi tomando as ações da partida. Conseguiu levar mais perigo ao gol de Magno Novaes e foi bastante seguro defensivamente, até pela lentidão e erros cometidos pelos jogadores do Valenciennes na hora de construir as jogadas ofensivas. Com o fim do primeiro tempo, o domínio dos visitantes se resumiu na posse de bola, que ficou 66% para os Gones e 34% para o VA.

O gol do OL foi especial para um jogador em particular. O atacante Bafetimbi Gomis marcou o seu centésimo tento em toda a sua carreira na Ligue 1. A jogada teve início com o seu companheiro de ataque, Jimmy Briand, acionando Henri Bedimo. O lateral-esquerdo cruzou para a área, na direção da marca do pênalti, e o zagueiro Saliou Ciss furou. O erro permitiu que Gomis dominasse a bola sem marcação dentro da área e o atacante teve o trabalho de limpar a marcação antes de colocar no fundo das redes.

Após o gol, a situação da partida continuou a mesma, apesar do Valenciennes ter tentado buscar mais jogadas no campo de ataque. O Lyon, calmo durante os 45 minutos, aproveitava cada erro do time de casa para partir em contra-ataque e criar perigo.

Valenciennes acorda tarde, perde chance de empatar e Lyon consegue a vitória

Na volta do intervalo, o Valenciennes se acertou em relação à primeira etapa e evoluiu no jogo. Com as duas mudanças realizadas aos 16 minutos, a equipe melhorou e pouco tempo depois chegou ao gol de empate. Aos 21, Waris, o artilheiro da equipe, reafirmou sua condição quando recebeu um lançamento  do lateral-esquerdo Albert Masuaku e fugiu da marcação de Milan Bisevac. O atacante avançou até a grande área e colocou a bola no canto do goleiro Anthony Lopes.

O que parecia uma reação foi logo freada por um grande lance de Jordan Ferri. Três minutos após o gol de Waris, o jovem volante do Lyon acertou um belo chute de fora da área, sem chances para o goleiro Novaes.

O tento enfraqueceu a equipe da casa e o árbitro começou a ter trabalho. O goleiro reserva do Lyon, Rémy Vercoutre, recebeu dois cartões amarelos e foi expulso mesmo estando no banco de reservas, após insistir nas reclamações. Logo depois, o volante Marco da Silva também foi expulso. Dessa vez, depois de uma entrada forte em Alexandre Lacazette. A expulsão parecia ter enfraquecido o time da casa, mas, aos 86 minutos, Jordan Ferri saltou para interceptar um cruzamento do meia Maor Melikson. A bola bateu em sua mão dentro da área e foi marcada a penalidade. Waris bateu, mas o goleiro Anthony Lopes acertou o canto e salvou o Lyon de sofrer o empate.

Com um a menos, um pênalti perdido e o fantasma do rebaixamento assombrando a equipe, o Valenciennes não teve como reagir mais na partida e o Lyon assegurou uma importante vitória.

LFP

VAVEL Logo