Agente de Ménez assegura que atacante está feliz no Milan e descarta Liverpool e Monaco

O agente de Jérémy Ménez afirmou nessa terça-feira (12) que o atacante do Milan está feliz no clube rossonero e descartou as especulações de que Liverpool e Monaco estariam interessados no francês de 28 anos.

Após mais uma temporada aquém de sua história, o Milan deve passar por uma reformulação dentro e fora de campo ao final da temporada, uma vez que o presidente Silvio Berlusconi declarou recentemente que pretende montar uma equipe com a base italiana. Assim, Ménez estaria cotado para deixar o clube, mas seu representante insiste que o jogador vai permanecer em Milão.

No momento, Jérémy está muito feliz no Milan. O clube não nos disse nada, então não há nenhuma razão para sair”, disse Kevin Ménez, irmão e agente do jogador, ao site italiano Foot Mercato.

É claro, sabemos que no futebol moderno todos os jogadores estão à venda, mas ninguém entrou em contato conosco, e Jérémy se sente bem no Milan, onde ele teve a melhor temporada da carreira. Liverpool e Monaco? São apenas especulações, há boatos em torno de qualquer jogador. Um atleta que já marcou 16 gols será procurado, mas no momento não há nada concreto”, reiterou.

Embora seja o artilheiro do time de Filippo Inzaghi na temporada com 16 gols, Ménez sofre muitas críticas da torcida milanista e da imprensa por ser ‘barbantinho’ dentro de campo e demorar a tocar a bola. Na manhã dessa terça-feira, foi a vez de Gennaro Gattuso, ex-jogador e ídolo no Milan, soltar o verbo para cima do francês: ele acredita que Ménez não é um líder dentro de campo, tomando atitudes que prejudicam a equipe, e, portanto, deveria deixar o time milanês. Kevin defendeu seu irmão.

Dizer que Jérémy é um problema é muito fácil. Eu acho que vários treinadores gostariam de ter um ‘problema’ com 16 gols. Inzaghi sempre o defendeu. Ele não é individualista, mas é o segundo melhor assistente do time, além de ser o artilheiro”, disparou.

Ele faz o que tem que fazer, embora você sempre pode fazer melhor. Temos que aceitar as críticas de todos porque é parte do jogo, mas, como eu disse, acho que qualquer treinador gostaria de ter um ‘problema’ com 16 gols”, apontou.

Ménez, devido a uma suspensão na 33ª rodada diante do Genoa cujo insultou o árbitro Piero Giacomelli com palavrões, pegou quatro jogos de gancho e só retorna na última rodada contra a Atalanta. Assim, o atacante não poderá ajudar o Milan nas próximas duas rodadas, diante de Sassuolo e Torino.

VAVEL Logo