Mbappé não é relacionado em partida do Monaco e aumenta especulações sobre ida ao PSG

A novela envolvendo a saída de Kylian Mbappé do Monaco ganhou mais um capítulo nesta quinta-feira (17). Leonardo Jardim cortou o jovem atacante da lista de relacionados para o jogo diante do Metz, na abertura da terceira rodada da Ligue 1. Tal atitude do técnico aumenta a especulação sobre a ida do francês ao Paris Saint-Germain.

Na última rodada, quando venceram o Dijon por 4 a 1, Mbappé ficou no banco de reservas. Naquele jogo, Jardim preferiu dar chances a Diakhaby, Carrillo e Gil Dias, recentemente negociado junto a Fiorentina.

Leonardo Jardim tentou dar algumas explicações em entrevista coletiva concedida nesta quarta-feira (16). Segundo o português, candidato ao prêmio de melhor técnico da temporada na premiação da Fifa, o clube está tentando proteger o atacante: “Nunca castigamos nossos jogadores. Essa palavra não é adequada. Vamos dizer proteger, uma palavra melhor. Quando passam tantas coisas em volta de um garoto de 18 anos, temos que ter a responsabilidade de protegê-lo.

A minha filosofia é jogar com quem está a 100 % focado e Mbappé não está. É normal, se um outro jornal lhe oferece 15 vezes o seu salário, você escreve menos no computador”, disse o treinador ao responder um jornalista.

Logo após a vitória diante do Dijon, Fabinho falou que estava na hora do time aprender a jogar sem Mbappé. Jardim comentou a declaração: ”Fabinho disse isso por que está aqui há quatro anos. Teve sempre que se adaptar e os jogadores que ficam são os mais importantes. Jogamos sem Martial e Kondogbia em temporadas anteriores e agora temos de jogar sem Bernardo Silva, Bakayoko, Mendy. É sempre assim. Jogar bem com os que ficam. Essa é a mentalidade do nosso trabalho. Estou aqui há muito tempo e nunca chorei porque um jogador está lesionado ou saiu. Ouço esse discurso noutros lugares, mas aqui não.

O Monaco volta a campo nesta sexta-feira (18), às 15h45, fora de casa contra o Metz. A equipe do principado está na terceira colocação da Ligue 1, com duas vitórias em dois jogos. Caso vença, baterá o recorde do Bordeaux (2009) de triunfos consecutivos no Campeonato. Os monegascos vão em busca da 15ª vitória seguida. A novidade na lista fica por conta de Ghezzal, novo camisa 7. Será preciso ter um novo camisa 10 em breve?

Lista de relacionados: Subasic, Benaglio - Glik, Jemerson, Jorge, Sidibé, Touré, Kongolo - Fabinho, Lemar, Meïté, Moutinho, Lopes, Tielemans - Carrillo, Diakhaby, Falcao, Ghezzal, Sylla. 

VAVEL Logo