Lendas da Copa do Mundo: Philipp Lahm, símbolo da Die Mannschaft
Foto: Divulgação/Spiegel

Recém-aposentado, com 34 anos de idade, o lateral direito Philipp Lahm, considerado um dos melhores laterais de sua geração, é símbolo da seleção alemã. Após a conquista da Copa do Mundo de 2014, no Brasil, o antigo capitão do Bayern de Munique anunciou sua aposentadoria da Die Mannschaft, e ao término da atual temporada, do futebol.

Lahm começou sua carreira nas categorias de base do Bayern de Munique, mas teve sua primeira chance real em um período por empréstimo no Stuttgart. Mesmo sendo lateral-direito de origem, ele mostrou toda sua versatilidade ao atuar com destaque no lado esquerdo enquanto esteve cedido aos Suábios. Ele retornou ao Bayern em 2005, e desde então se tornou um dos maiores ídolos da história do clube, sobretudo por sua classe e qualidade técnica, sempre de forma discreta, mas bastante efetiva.

No total, foram 517 partidas com a camisa do Bayern de Munique, com 18 gols e 72 assistências, além de não ter sido expulso de campo sequer uma vez em toda sua carreira profissional. Já pela Die Mannschaft, Lahm teve 113 aparições, com cinco gols e 18 assistências. Além de leal e detentor de uma enorme qualidade técnica, Philipp sempre foi um exemplo para seus companheiros, sendo capitão tanto em seu clube quanto na seleção.

Consciente de todas suas grandes conquistas durante a carreira, Philipp Lahm resolveu pendurar as chuteiras ainda com idade suficiente para atuar em grande nível por algumas temporadas, mas o lateral tomou a decisão de parar em sua melhor fase, garantindo que não valeria a pena continuar atuando abaixo da sua capacidade técnica.

"Como capitão, é muito importante para mim sempre ter atuações de alta qualidade, e eu percebi que não poderei mais jogar nesse nível depois dessa temporada", afirmou o lateral na época, surpreendendo o diretor-executivo do clube, Karl-Heinz Rummenigge.

Multicampeão, ele conquistou a Bundesliga em oito oportunidades, além de uma Champions League. O ápice de sua carreira, no entanto, foi com a camisa da seleção alemã. Depois de ter participado das campanhas em 2006 e 2010, Lahm finalmente chegou à glória com a conquista da Copa do Mundo de 2014, sacramentando uma trajetória vitoriosa com a maior conquista possível por parte de um jogador de futebol.

 

VAVEL Logo