Decepcionado, Sampaoli assume culpa por derrota da Argentina e defende Caballero

Decepcionado, Sampaoli assume culpa por derrota da Argentina e defende Caballero

Albiceleste joga mal, é derrotada pela Croácia por 3 a 0 e corre risco de ficar fora das oitavas do Mundial

RRodrigues_95
Rodrigo Rodrigues

A Argentina, mais uma vez, decepcionou na Copa do Mundo. Após empate amargo contra Islândia, a seleção foi derrotada pela Croácia por 3 a 0 em mais uma atuação ruim de Messi e companhia. Agora, não depende apenas de si para ir às oitavas de final. Diante do péssimo cenário, o técnico Jorge Sampaoli assumiu a responsabilidade pelo mau momento da Argentina.

''A responsabilidade é toda minha. Creio que quando vários jogadores não rendem bem o problema é a condução. O projeto para esta partida não prosperou, então seria muito difícil que algum jogador se destacasse individualmente. Eu estava esperançoso. Essa derrota me causa muita dor. Seguramente não li a partida como deveria'', afirmou.

O comandante também defendeu o goleiro Caballero, de 36 anos, que falhou no primeiro gol croata: ''Sou o responsável por tomar as decisões. Creio que a derrota de hoje tem a ver com minha responsabilidade, porque eu sou o treinador. Não creio que seja humano ou real responsabilizá-lo.''

Por fim, ele também isentou Messi, que novamente teve atuação apagada: ''Não encontramos a melhor equipe para acompanhar o Messi. Temos que nos encarregar das realidades e isso depende mesmo de mim. Os jogadores terminaram muito mal. Estávamos animados para conquistar o primeiro lugar e estar perto da classificação. Isso nos afasta e deixa todos com dor. Não conseguimos consolidar o processo. Você tem que lutar pela oportunidade que resta",

Com apenas um ponto, a Argentina precisa vencer a Nigéria na última rodada e torcer por uma derrota da Islândia contra os africanos, nesta sexta-feira (22), 12h (de Brasília).

VAVEL Logo

Argentina Notícias

há 6 dias
há 4 meses
há 4 meses
há 4 meses
há 5 meses
há 5 meses
há 5 meses
há 5 meses
há 5 meses
há 5 meses
há 5 meses