Borussia Dortmund vence Freiburg e permanece na liderança da Bundesliga
(Divulgação/BVB)

Borussia Dortmund vence Freiburg e permanece na liderança da Bundesliga

Equipe de Lucien Favre chega à décima vitória e mantém a invencibilidade

brandonvicente
Brandon Vicente
BundesligaBürki; Piszczek, Zagadou, Diallo, Hakimi; Delaney, Witsel, Sancho, Reus; Bruun Larsen, Götze.
Schwolow; Heintz, Robin Koch, Gulde; C. Gunter, Jerome Gondorf, Mike Frantz, Janik Haberer; Stenzel; Nils Petersen, Luca Waldschmidt.
Placar1-0, min.40, Reus. 2-0, min 91, Alcácer.
INCIDENCIASPartida válida pela Bundesliga e disputada no Signal Iduna Park.

Jogando em casa, o Borussia Dortmund venceu o Freiburg por 2 a 0 na manhã deste sábado (01). Os gols da vitória foram marcados por Reus e Paco Alcácer.

Com a vitória, a equipe aurinegra permanece na 1ª colocação com 33 pontos em 13 jogos: 10 vitórias e 3 empates. O Freiburg, por sua vez, permanece com 14 pontos e desce para a 13ª posição - 3 vitórias, 5 empates e 5 derrotas.

Ambos os times terão grandes desafios na próxima rodada. Como mandante, o Freiburg recebe o RB Leipzig no próximo sábado (08), às 12h30. No mesmo dia e horário, o Dortmund vai até Gelsenkirchen enfrentar o arquirrival Schalke 04, no que é  conhecido como o Dérbi do Vale do Ruhr.

Dortmund  pressiona e chega ao gol em penalidade máxima

Valendo-se da empolgação da torcida pela boa campanha, os aurinegros foram para cima do Freiburg, mas não criaram grandes chances. As principais delas chegaram através da velocidade de Sancho, que quase abriu o placar aos 23 minutos.

Mesmo assim, o placar ia se mantendo no zero até os 40 minutos, quando Sancho foi derrubado por Heintz dentro da área. Pênalti convertido por Marco Reus, que chegou ao 9° gol na competição.

No minuto seguinte, o time da Floresta Negra quase empatou. Gondorf cobrou falta e a bola carimbou o travessão, assustando Bürki.

Jogo permanece morno, mas Alcácer brilha mais uma vez


Apesar do domínio da equipe aurinegra, o Freiburg conseguiu se segurar por boa parte do segundo tempo. A melhor chance dos donos da casa foi com Piszczek, que acertou a trave do gol defendido por Schwolow.

A sorte mudou quando Paco Alcácer entrou na partida, substituindo Götze. Quando o relógio já marcava os acréscimos da partida, Sancho puxou contra-ataque pela esquerda e deixou a bola com Piszczek. O polonês tocou para Alcácer, livre, apenas rolar para o fundo das redes. 10° gol do espanhol, artilheiro do Campeonato Alemão. Festa do jogador e da torcida.

VAVEL Logo