Guia VAVEL da Copa América 2019: Uruguai

Maior campeã da história da Copa América, o Uruguai já chegou em Belo Horizonte para terminar a preparação para a partida de estreia, diante do Equador, neste domingo (16), às 19h (de Brasília), no Mineirão.

Os comandados de Óscar Tabárez buscam o 15º título da Copa América e aumentar a distância sobre seus concorrentes. A Azul Celeste foi campeã do torneio sul-americano em 1916, 1917, 1920, 1923, 1924, 1926, 1935, 1942, 1956, 1959, 1967, 1983, 1987, 1995 e 2011.

Expectativa

Após boa campanha na Copa do Mundo, quando a Seleção Uruguaia passou em primeiro no Grupo A, sem levar gols. Em seguida, bateu Portugal e foi eliminado nas quartas para a grande campeã, França. A celeste chega com a base desse time, que se destaca pela defesa sólida e o ataque goleador.

Favorito para avançar na fase de grupos, a equipe titular de Óscar Tabárez na estreia deve ser fomarda por Muslera, Martín Cáceres, Godín, Giménez e Laxalt; Vecino, Bentancur, Nández e Lodeiro; Cavani e Suárez.

Convocados

Goleiros:Fernando Muslera (Galatasaray), Martín Campaña (Independiente) e Martín Silva (Libertad).

Defensores:Diego Godín (Atlético de Madrid), José María Giménez (Atlético de Madrid), Sebastián Coates (Sporting), Martín Cáceres (Juventus), Marcelo Saracchi (Leipzig), Diego Laxalt (Milan) e Giovanni González (Peñarol).

Meio-campistas: Matías Vecino (Internazionale), Rodrigo Bentancur (Juventus), Federico Valverde (Real Madrid), Lucas Torreira (Arsenal), Nahitan Nández (Boca Juniors), Nicolás Lodeiro (Seattle Sounders), Giorgian De Arrascaeta (Flamengo) e Gastón Pereiro (PSV).

Atacantes: Luis Suárez (Barcelona), Edinson Cavani (PSG), Cristhian Stuani (Girona), Maxi Gómez (Celta de Vigo) e Jonathan Rodríguez (Cruz Azul).

Destaques

Uma das melhores duplas de ataque do mundo, Cavani e Suárez são os principais destaques da celeste na Copa América 2019. 'El Pistolero' é o dono da artilharia máxima da Seleção, com 56 gols marcados, seguido pelo atacante do PSG, que já marcou 46 vezes.

Além do ataque matador, o Uruguai possui uma das melhores defesas no momento. No mundial, não sofreu gols na fase de grupos e ao todo, foram três sofridos, em cinco jogos disputados.

Campanha na última Copa América

A celeste não tem boas lembranças da última participação no torneio. Foi em 2016, nos Estados Unidos, para comemorar 100 anos de fundação da Conmebol. A Seleção Uruguaia ficou em 3º do Grupo C, atrás de México e Venezuela, e acabou sendo eliminada precocemente.

VAVEL Logo