Lecce é rebaixado após derrota em jogo movimentado contra Parma
Foto: Divulgação/ U.S. Lecce

Lecce entrou em campo no estádio Via del Mare neste domingo (2), precisando da vitória para conseguir a permanência na Série A, além de torcer por um tropeço do Genoa, que jogava no mesmo horário. A derrota contra o Parma por 4 a 3 selou o destino do time de Fabio Liverani, que, um ano após retornar à primeira divisão, volta a ser rebaixado e irá disputar a segundona na temporada 2020/2021.

A partida

A primeira metade da etapa inaugural foi amplamente dominada pelo Parma, que antes dos dez minutos já havia levado perigo duas vezes ao gol adversário. A pressão inicial deu certo e, aos 11 do primeiro tempo, Hernani arriscou de dentro da grande área, a bola explodiu na trave e rebateu na canela de Lucioni, que marcou contra para a equipe do Parma. 

Hernani e Caprari comandavam os constantes ataques do time. Em um contra ataque fulminante após escanteio mal batido pela equipe do Lecce, os dois trocaram passes até que Hernani serviu Caprari na entrada da grande área pela direita e o camisa 20 não desperdiçou, ampliando a vantagem do Parma.

Os jogadores do Lecce voltaram da parada para reidratação mais atentos e, aos 31 e 35 minutos, tiveram duas grandes chances com Saponara e Lapadula, que não foram aproveitadas.

Aos 40 da primeira etapa, Mancosu dominou uma bola mal afastada por Darmian na ponta direita, avançou e cruzou para Barák descontar, de cabeça, para os giallorossi. 

De cabeça, também, foi o gol de empate para o Lecce no fim do primeiro tempo: Meccariello, aos 45 minutos, após cruzamento de Filippo Falco, deixou tudo igual no placar. A primeira etapa ainda teve tempo para um chute perigoso de Falco, aos 47, que passou ao lado da baliza de Luigi Sepe.

O segundo tempo começou com bastante pressão pelo time da casa que buscava a virada para sonhar com a permanência na primeira divisão. Mas, aos sete minutos, Caprari fez boa jogada pela esquerda, serviu Barillà que cruzou rasteiro para Cornelius empurrar para rede e colocar a Parma à frente no placar mais uma vez.

Mesmo perdendo, o Lecce não desistiu do jogo e continuou com a pressão sob a equipe adversária. Aos nove, Barák levou perigo com um chute pela esquerda. Um minuto depois foi a vez de Mancosu quase marcar, mas a bola pegou na rede pelo lado de fora.

Com 17 passados na segunda etapa, Roberto D'Aversa modificou o time e colocou Inglese no lugar do autor do terceiro gol, Cornelius. Apenas quatro minutos depois de entrar, o atacante ampliou para o Parma após receber, livre na pequena área, um belo cruzamento de Barillà.

Com dois gols atrás no placar após pressionarem sem resultado, os jogadores do Lecce ficaram visivelmente desmotivados. Além de precisarem virar o jogo, teriam que torcer por um tropeço do Genoa, que ganhava a sua partida por 3 a 0 contra o Hellas Verona.

Mesmo com o rebaixamento batendo na porta, aos 25 da etapa final o Lecce descontou com Lapadula, ao aproveitar o rebote depois de uma cabeçada na trave de Shakhov.

Classificação final

O Lecce, que conseguiu acesso à primeira divisão nesta temporada depois de sete anos fora da elite, retorna para a Série B do Italiano na 18ª colocação, apenas à frente de SPAL e Brescia, também rebaixados. O time teve a pior defesa do campeonato, com 85 gols sofridos.

Já o Parma, se despede da temporada em 11° lugar, com 49 pontos. Uma posição bastante satisfatória tendo em vista o passado recente do clube, que chegou a Série D após declarar falência.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo