Manchester City sai atrás, mas busca empate fora de casa contra West Ham
Foto: Divulgação / Premier League

Mais um empate para a conta do City. Em jogo válido pela sexta rodada da Premier League, o Manchester City visitou o West Ham na manhã deste sábado (24). Em busca da terceira vitória seguida, o time de Pep Guardiola procurava subir ainda mais na tabela da competição. Já o West Ham, ainda animado por conseguir arrancar o empate do Tottenham na última rodada, queria manter o bom campeonato que faz até aqui. 

A partida acabou em empate por 1 a 1. Michail Antonio abriu o placar ainda no primeiro tempo e, depois das alterações - inclusive táticas - de Pep Guardiola no segundo tempo, Phil Foden empatou para os visitantes.

Distribuição tática

David Moyes repetiu o time que empatou com o Tottenham na última rodada, em um 5-4-1. Com Fabianski no gol, Baulbuena, Ogbonna e Cresswell formaram o trio na zaga e Coufal e Masuaku trabalhavam nas laterais. No meio-campo, Fornals, Rice, Soucek e Bowen ajudavam na criação de jogadas para o centro-avante Antonio. 

Pep Guardiola mandou um Manchester City em um 4-3-3. Com Ederson no gol, a defesa foi formada por Rúben Dias e Éric Garcia na zaga e Walker e Cancelo nas laterais. No meio de campo, Bernardo Silva, Rodri e Gundogan eram a parte criativa, para que Sterling, Agüero e Mahrez finalizassem mais na frente. 

City melhora no segundo tempo, mas sai com um empate do London Stadium

Os primeiros minutos do primeiro tempo mostrou que, apesar de jogar fora de casa, o City já vinha com pressão. A primeira chance clara veio com Gündogan aos 12', mas a batida foi pra fora. Apesar de ter mais chances na primeira etapa, Fabianski não  teve tanto trabalho para defender as chances.

Ederson também não teve tantas dificuldades para defender os chutes do West Ham. Porém, aos 18', Antonio acertou um chute após assistência de Coufal.  

Os números da primeira etapa mostram um domínio do City, principalmente na posse de bola. Porém, falando em finalizações, o jogo era bem mais equilibrado. Com 66% de posse de bola, os citizens finalizaram cinco vezes e acertaram uma no gol de Fabianski. Enquanto isso, os hammers chutaram uma das quatro finalizações no gol de Ederson. 

Na volta do intervalo, Pep Guardiola fez uma alteração no time: Phil Foden no lugar de Agüero. Essa mudança teve consequências direta no jogo. Aos 51', Foden empatou a partida, depois de receber cruzamento de João Cancelo. 

As alterações de Guardiola durante a partida fizeram a distribuição do City mudar durante o jogo. O time foi de um 4-3-3 para um 4-2-3-1, com Sterling ainda mais isolado. Os números da segunda etapa mostram que a mudança tática deu certo, pois o time finalizou mais, com mais perigo. Além dos 73% de posse de bola, cinco das oito finalizações foram no gol. Do lado do West Ham, foram só duas finalizações, acertando uma delas no gol. 

O time de Guardiola foi o melhor em grande parte do jogo, mas deixou grandes chances passarem, principalmente com Sterling. O West Ham, de David Moyes, deu duas finalizações no gol e deu sorte da de Antonio entrar ainda no primeiro tempo. 

Classificação e próximos jogos

Com o empate, o West Ham sobe   para a 5ª posição, com nove pontos. Já o City, também com nove pontos,  permanece na 8ª posição. Vale lembrar que  o time de Guardiola tem um jogo a menos. Na próxima rodada da Premier League, o West Ham enfrenta o Liverpool em Anfield no sábado (31), às 12h. Também no sábado, às 9h30, o City visita o Sheffield.

Porém, antes da sétima rodada da Premier League, o time de Guardiola tem confronto na UEFA Champions League  na terça-feira (27), contra o Olympique de Marselha.

 

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore
VAVEL Logo