Sem nenhum título em quase um ano e meio, José Mourinho é demitido do Tottenham
Foto: Divulgação/Tottenham

Após 17 meses à frente do Tottenham, José Mourinho não é mais técnico da equipe. O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira (19), menos de 12 horas após anunciar a criação da nova Superliga Europeia.

Pela primeira vez na carreira, ele deixa um clube de mãos vazias, sem conquistar nenhum título. No entanto, Mourinho jogaria sua primeira final pelo clube inglês no domingo (25), contra o Manchester City pela Copa da Liga Inglesa.

“José e sua equipe técnica estiveram conosco em alguns dos momentos mais difíceis como clube. José é um verdadeiro profissional que demonstrou enorme resistência durante a pandemia”.

“A nível pessoal, gostei de trabalhar com ele e lamento que as coisas não tenham corrido como ambos imaginávamos. Ele será sempre bem-vindo aqui e gostaríamos de agradecer a ele e à sua equipa técnica pela sua contribuição”, escreveu Daniel Levy, presidente do Tottenham.

O Tottenham está em sétimo lugar na Premier League, cinco pontos atrás do G-4. Mourinho havia perdido 13 jogos em todas as competições nesta temporada, mais do que qualquer outro em sua carreira de técnico.

O português de 58 anos sucedeu a Mauricio Pochettino em novembro de 2019 com o objetivo específico de manter o clube disputando a Uefa Champions League.

O clube confirmou que o técnico Ryan Mason vai assumir o comando do treinamento na segunda-feira. 

José Mourinho deixa o Tottenham após 86 jogos. Nesse período foram 44 vitórias, 19 empates e 23 derrotas.

Segundo a imprensa inglesa, os principais nomes para assumir o cargo são o alemão Hansi Flick, atualmente no Bayern de Munique, e o italiano Massimiliano Allegri, ex-Juventus e atualmente sem clube.

VAVEL Logo