Evra é afastado do Olympique Marseille após chutar torcedor antes de jogo da Europa League

Incidente ocorreu na partida diante do Vitória de Guimarães, na quinta feira (2), em Portugal

Evra é afastado do Olympique Marseille após chutar torcedor antes de jogo da Europa League
Evra (à dir.) não faz mais parte do plantel do Marseille (Foto: S.Mantey/Reuters)

Em comunicado oficial divulgado nesta sexta-feira (3), o Olympique Marseille decidiu suspender Patrice Evra após o incidente ocorrido antes da partida contra o Vitória de Guimarães, na tarde dessa quinta-feira (2), em partida válida pela Uefa Europa League. O lateral-esquerdo chutou um torcedor antes do jogo, que terminou com vitória da equipe portuguesa pelo placar de 1 a 0. Evra foi o primeiro jogador na história da competição a ser expulso antes do início de um duelo da UEL.

Além do afastamento de Evra, o Olympique também foi denunciado por invasão de torcedores em campo, uso de sinalizadores e "atos danosos'' durante a partida no Estádio Afonso Henriques, em Portugal. O Marseille ocupa a segunda colocação do Grupo I, com seis pontos, enquanto o líder Salzburg possui oito. Konyaspor e Vitória de Guimarães somaram quatro, cada.

Evra tem passagens por Monaco, Nice, Manchester United, Juventus, além de servir a Seleção Francesa por muitos anos.

Confira, na íntegra, a nota do Olympique de Marseille:

"O presidente do Olympique de Marseille, encontrou-se com Patrice Evra hoje e informou-o de seu afastamento com efeito imediato. além de sua convocação para uma entrevista antes de uma possível sanção disciplinar. Os primeiros resultados da investigação interna realizada pelo clube revelam um comportamento inaceitável por parte de alguns provocadores que proferiram ataques odiosos sérios contra o jogador. Como atleta profissional e experiente, Patrice Evra não se portou de uma maneira adequada. O clube continua sua investigação e usará todos os meios legais à sua disposição contra indivíduos que, sob o disfarce de sua paixão pelo OM, põem em perigo sua reputação entrando no campo e insultando um jogador. em vez de apoiá-lo."